João Pessoa
Feed de Notícias

Music From Paraíba apresenta shows das bandas Burgo, Ubella Preta e Feiticeiro Julião

quarta-feira, 12 de agosto de 2015 - 10:44 - Fotos:  Divulgação

A próxima edição do projeto permanente Music From Paraíba acontece neste domingo (16), integrando a programação do Agosto das Letras e do 1º Encontro Regional de Histórias em Quadrinhos – Quadrinhos Intuados. As atrações deste mês são as bandas Burgo e Ubella Preta (PB), além da atração convidada Feiticeiro Julião (PE). Os shows começam às 20h, no Teatro de Arena do Espaço Cultural José Lins do Rego. A entrada é gratuita.

O show é o segundo da parceria entre o MFPB com o grupo pernambucano de incentivo à circulação da música nordestina, Missão da Terra Flamejante (MTF). O primeiro contato aconteceu no mês de julho, quando o projeto teve participação da banda Semente de Vulcão (PE) no seu palco. A proposta é manter esse intercâmbio nos próximos dois shows do MFPB.

O intuito da parceria musical PB-PE é aproximar e impulsionar o intercâmbio cultural entre artistas e público dos dois estados, bem como de fortalecer a música nordestina, incentivando os artistas e divulgando a produção dessa região.  Para Arthur Pessoa, coordenador do MFPb, a parceria é estratégica, já que o trabalho do MTF se cruza com o desenvolvido pelo Music From.

Music From Paraíba – É um projeto de divulgação da música dos artistas paraibanos  no Brasil e no exterior.  Pelo segundo ano consecutivo, em 2013 e 2014, por meio do projeto da coletânea, a Paraíba esteve presente na maior feira mundial do mercado fonográfico, a Womex, que no ano passado foi realizada em Santiago de Compostela, na Espanha. A coletânea é lançada primeiramente na feira, distribuída para profissionais da área, e em seguida a temporada de shows com artistas contemplados é iniciada aqui na Paraíba.

Em João Pessoa, os shows do MFP 2 são realizados todos os meses, sempre aos domingos, no Teatro de Arena. Além da capital paraibana, o projeto já visitou neste ano os municípios de Campina Grande, Cajazeiras e Catolé do Rocha. A expectativa é que, assim como na primeira edição, o projeto continue circulando por outras cidades, para que a música produzida no Estado seja conhecida também pelo povo do interior paraibano. O projeto é uma realização do Governo do Estado por meio da Fundação Espaço Cultural da Paraíba (Funesc).

Na sua segunda edição, o projeto traz 71 músicas de artistas paraibanos ou radicados no Estado. As faixas estão distribuídas em quatro CDs organizados em um box que lembra o formato capa de LP de vinil com arte assinada pelo designer Silvio Sá. Na coletânea, há representantes de diversos gêneros como rock, forró, samba, música eletrônica, jazz, música instrumental, funk, blues, reggae, brega, entre outros.

Feiticeiro Julião – É um personagem místico que dá nome ao projeto liderado pelo músico Júlio Castilho desde 2011, quando começou sua carreira solo após tocar por anos em bandas da cena recifense. Além de estrelar duas matérias para a Folhateen da Folha de São Paulo, Feiticeiro Julião teve o seu clipe “Vou Tirar Você da Cara”, dirigido por Jean Santos, e o seu EP “Batismo Místico” como pauta do blog americano Sounds and Colours, especializado em música latino-americana, veiculando o vídeo em larga escala nas redes sociais, com mais de 15 mil acessos no Youtube.

A mesma música fez parte da trilha sonora do longa-metragem que estreou no segundo semestre de 2013 “Tatuagem”, de Hilton Lacerda, premiado com a melhor trilha sonora no 41º Festival de Gramado. Em 2012, seu segundo videoclipe, “Barra”, foi premiado no Festcine PE. A letra foi inspirada em trechos do livro Macunaíma, do modernista Mário de Andrade. O show do Feiticeiro possui uma atmosfera de muito ritmo com uma forte influência do jazz, do rock progressivo, além da música nordestina, tudo isso dentro de uma provocante performance visual.

Feiticeiro Julião possui dois álbuns lançados – “Batismo Místico” (2011) e “Mácula” (2014). Suas principais apresentações foram em eventos como o Abril Pro-Rock (Recife/PE), Festival Caipirorock (Serrana/SP), A Noite do Desbunde Elétrico (Recife/PE), Festival de Inverno de Bragança Paulista/SP, SESC Campinas.

Burgo – O trompetista Hidemburgo Hipólito é pernambucano, mas atualmente reside em João Pessoa. Voltou em 2011 de sua jornada na Alemanha, onde constituiu residência por 17 anos. Nesse período, atuou fortemente como agente divulgador da cultura nordestina, sendo fundador um dos precursores do famoso Karneval de Kulturen (Carnaval das culturas), idealizado na capital alemã.

Sua larga experiência nos palcos e festivais da Alemanha, somada às vivências junto aos brincantes e mestres da cultura popular, aliados à sua sólida formação musical, tendo estudado no Conservatório Pernambucano de Música, constroem a musicalidade do trompetista. Na Paraíba, integrou o grupo Parahyba Art ensemble, liderado por Esmeraldo Marques, o Chico Correa e também o Jaguaribe Carne, ao lado dos irmãos Pedro Osmar e Paulo Ró, sempre com ênfase na música experimental e de livre improviso.

O show é composto por oito músicas autorais, criadas na ponte aérea Brasil-Alemanha. O repertório traduz o universo estético no qual foi criado, atravessando os continentes, alinhavando culturas, fundindo ritmos, transitando entre o tradicional e o contemporâneo. Compõem o repertório “Tanauê”, “Xamã”, “Cangonha na Cocada”, “Bom de Improvisar”, “De Recife a Berlim”, “Free”, “Gráfico” e “Na Hora da Macumba”.

Ubella Preta – Tendo como característica estética a música experimental, Ubella Preta teve sua trajetória iniciada em 2009, quando surgiram as primeiras composições e apresentações em meios alternativos e a pré-produção do primeiro EP, lançado em 2010 com o nome “Água de Jamaica”. A banda tem como cabeças David Neves e Felipe Nicolau. Este trabalho rendeu apresentações em festivais da Paraíba e de Pernambuco, além de convite para o Festival Francês Kiss Balade e 20º Encontro para a Nova Consciência.

Seu percurso é marcado por parcerias como a do citarista e filósofo Alberto Marsicano e os irmãos Pedro Osmar e Paulo Ró. Em 2012, a banda gravou seu primeiro disco, “Evento Horizonte”, com músicas inéditas e patrocínio do Fundo Municipal de Cultura. Em 2013, a banda iniciou a pré-produção do novo disco, intitulado “Companhia das Indias Espaciais”. Em 2014, iniciou o ano com uma turnê na Cidade do México, que surgiu de uma parceria dos ministérios da cultura do Brasil, México e EUA. Para este ano, a banda esta gravando a pré- produção do disco “CIE – Companhia das Indias Espaciais”.

 

Serviço: Music From Paraíba

Atrações: Burgo e Ubella Preta (PB) / Feiticeiro Julião (PE)

Data: 16/08 (domingo)

Hora: 20h

Local: Teatro de Arena do Espaço Cultural