João Pessoa
Feed de Notícias

Mulheres ocupam todas as patentes e exercem funções em diversas áreas da Polícia Militar

sexta-feira, 6 de março de 2015 - 18:33 - Fotos: 

Elas estão conquistando cada vez mais espaços na Corporação. As 723 policiais militares da Paraíba hoje ocupam todos os postos e graduações e exercem funções de comando e direção na estrutura da instituição.

É o caso da coronel Socorro Uchôa, diretora do Hospital General Edson Ramalho. Ela quebrou diversos paradigmas antes de chegar ao mais alto posto da corporação paraibana, que é o de coronel. “É uma história de vida que temos desde 1987, quando entramos na Polícia Militar, conquistando espaços e hoje dividindo o fruto dessa caminhada com as policiais que estão entrando agora”, lembrou.

Mas não é só na saúde que eles comandam as atividades. As mulheres na Polícia Militar estão nas ruas prevenindo e combatendo o crime e também na área de educação, formando policiais mais humanizados para atender mais e melhor à população paraibana.

A vice-diretora do Centro de Educação da PM, tenente-coronel Íris Oliveira, disse que o Dia Internacional da Mulher – que lembra a luta das mulheres por melhores condições de trabalho e igualdade – deve ser celebrado pelas policiais militares como uma conquista a ser comemorada todos os dias. “Hoje ocupamos nosso lugar na instituição e estamos a cada dia mais construindo um futuro melhor para a mulher em nossa sociedade”, declarou.

As primeiras mulheres a ingressaram na Polícia Militar da Paraíba foi no dia 26 de janeiro de 1987. No começo, como não havia definido um emprego específico para o grupo inicial, elas passaram a desempenhar atividades no setor de relações públicas da PM. Com a entrada de novas soldados, em 1990, elas começaram a ser distribuídas em atividades diversas, inclusive com a criação de uma companhia feminina na Polícia Militarda Paraíba, com sede na capital.