Fale Conosco

3 de junho de 2009

Mostra HumanizaSUS é aberta no Espaço Cultural, em João Pessoa



A população paraibana terá a oportunidade de conhecer, até o próximo dia 10, tudo sobre o Sistema Único de Saúde (SUS) e a Política Nacional de Humanização. Foi aberta na manhã desta quarta-feira (3), no Espaço Cultural José Lins do Rego, em João Pessoa, a Mostra Interativa HumanizaSUS, realizada pelo Ministério da Saúde (MS) e Secretaria de Estado da Saúde (SES).
Os visitantes estão sendo recepcionados por monitores treinados pela SES, que repassam informações sobre o funcionamento do SUS, desde a sua criação, há vinte anos, e também sobre as diretrizes, os desafios, os problemas e os avanços até os dias atuais, além de todo o processo sobre a Política de Humanização do Sistema.
 
Para mostrar tudo isso foi montado um túnel e três módulos onde constam todas essas informações que são exibidas também por meio de vídeos. De acordo com a consultora da Política Nacional de Humanização do Ministério da Saúde, Olga Matoso, a intenção do evento é mostrar ao cidadão que o SUS não se restringe apenas ao atendimento hospitalar, cirurgias e outros procedimentos médicos. “Ele vai mais além”, afirmou.

Cura e prevenção – De acordo com ela, o SUS não é só para quem está doente, mas também atua na prevenção dos males, nas fiscalizações de produtos alimentícios, realizadas pela Anvisa, como também na regulamentação dos planos de saúde e, mais recentemente, nas barreiras sanitárias realizadas pela Anvisa nos portos, aeroportos e terminais rodoviários para evitar e controlar pandemias.

Olga Matoso explicou que as pessoas precisam saber que o SUS é efetivado por elas (que usam o serviço), pelos gestores municipais e estaduais.  “O SUS é uma rede interligada em torno do bem comum da coletividade e o cidadão precisa dele independente de estar doente ou não” disse.

Na mostra, depois de conhecer tudo sobre o SUS, o cidadão tem à sua disposição uma cabine, na qual ele pode gravar o seu depoimento sobre os problemas enfrentados e apontar sugestões para melhorar o serviço. 

Depoimentos – A estudante Joelma Silva Barros, que mora no bairro Alto do Mateus, visitou a mostra e gostou. Depois de receber informações sobre o SUS, ela disse que alguns serviços de saúde de João Pessoa deixam muito a desejar e precisam ser melhorados em todos os sentidos, tanto na questão de equipamentos como também na qualidade dos serviços.

O aposentado da Marinha do Brasil, Ronaldo Gomes de Araújo, que mora no bairro Expedicionários, elogiou a mostra e destacou que é sempre proveitoso qualquer trabalho quando os governos que representam o povo se preocupam com a qualidade de vida dos seus cidadãos.
 
Assessoria de Comunicação da SES/PB, com fotos de Cláudio