João Pessoa
Feed de Notícias

Mostra Estadual de Teatro, Dança e Circo inicia três oficinas nesta segunda

segunda-feira, 5 de novembro de 2012 - 08:01 - Fotos:  Divulgação

A partir desta segunda-feira (5), três oficinas de teatro e dança serão realizadas, no Teatro Santa Roza, dentro da programação da 17ª Mostra Estadual de Teatro, Dança e Circo. Os interessados ainda podem se inscrever na secretaria do teatro. As inscrições são gratuitas e a opção para atores e estudantes de teatro é “A Reconstrução do Jogo Ritualístico no Teatro Contemporâneo”, com Herê Aquino (Fortaleza, CE), de segunda a quarta (dias 5, 6 e 7), das 9h às 12h.

Para os profissionais e alunos de dança, são duas oficinas. Uma delas, “Si Ocê Quizé Vem 2”, ministrada por Rui Pereira (Belo Horizonte, MG), de segunda a quinta (de 5 a 8), das 8h às 12h. A outra, “Corpo Provisório”, realizada por José Clébio (Natal, RN), de segunda a sexta (de 5 a 9), das 10h às 12h.

“O Circo e a Segurança”, ministrada por Vanda Jacques (da Intrépida Trupe, Rio de Janeiro, RJ), teve início no sábado (3) e termina nesta segunda-feira (5). As aulas acontecem no Teatro de Arena do Espaço Cultural.

Palestras – Adotando um modelo informal, a 17ª Mostra Estadual de Teatro, Dança e Circo abre espaço para as palestras intituladas “Rodas de Conversa”.  A primeira delas já acontece nesta segunda-feira (5). O tema é “O Teatro-Circo”, com as participações de Vanda Jacques e Herê Aquino, das 15h às 17h.

A Roda de Conversa que aconteceria na quinta-feira (8), com Herê Aquino e Fernando Teixeira, foi transferida para a quarta-feira (7), às 15h. O assunto é “O Teatro Paraibano no Contexto do Teatro Nordestino”.

Para falar sobre dança, o convidado é José Clébio de Oliveira (Natal, RN). A “Roda de Conversa” acontece no sábado (10), das 15h às 17h e o tema a ser discutido será “A Dança nordestina no cenário brasileiro”.

A outra mudança na programação é a substituição do espetáculo “Macunaíma”, que se apresentaria na quarta-feira, às 20h30. No lugar dele, entra a peça “A Mulher da Viração”, com o Grupo Etos (João Pessoa, PB), sob direção de Gabriel Filho.