João Pessoa
Feed de Notícias

Morre o radialista Spencer Hartman, da Rádio Tabajara

quinta-feira, 3 de maio de 2012 - 13:49 - Fotos: 

Foto: Secom-PB

O radialista Spencer Hartmann, da Rádio Tabajara, faleceu na noite dessa quarta-feira (2), aos 76 anos, em sua residência, no bairro da Torre, em João Pessoa. O corpo vai ser velado na tarde desta quinta-feira (3) na Sempre Assistência Funeral, na avenida João Machado, 1214. O sepultamento ocorrerá amanhã (3) em cemitério a ser definido pela família.

O permanbucano Spencer Hartmann morava em João Pessoa desde 1976 e completaria nesta quinta-feira (3), 34 anos do programa “E por falar em saudade”, levado ao na Tabajara AM, emissora do Governo do Estado, das 23h às 24h. Ele passou mal à noite. Spencer tinha problemas cardiácos e era diabético.

A esposa do radialista Maria José Hartmann, informou que na noite de de quarta-feira Spencer tomou um medicamento e foi dormir e esta manhã foi encontrado morto.

“O programa E por falar em Saudade é parte da minha vida, talvez seja até uma das razões do meu viver, porque é muito agradável a você quando se agrada, se faz uma pessoa feliz, então é muito gratificante”, declarou Spencer Harmann em entrevista a Josélio Carneiro, em 1995. “Apesar de não ser paraibano, eu amo a Rádio Tabajara”, ressaltou o radialista. Em 1995, sobre sua entrevista no livro Tabajara – A Rádio da Paraíba, Spencer declarou: “Quando eu partir para a eternidade, fica aí o meu nome, a minha história e a pequena parcela que dei à Rádio Tabajara”.

 

Spencer atuou em várias emissoras em Recife e Campina Grande, tendo chegado à Rádio Tabajara há 34 anos. Apresentou o último programa na terça-feira (1). Ele deixou a esposa Maria José e cinco filhos: Spencer Júnior, Fábio, Erick Douglas, Mônica e Andreia. Ele morava na Rua São Sebastião, 169, no bairro da Torre.

 

O livro Tabajara – A Rádio da Paraíba, lançado pelo Governo do Estado em 2002 e organizado pelo jornalista e radialista Josélio Carneiro, contém uma longa entrevista com Spencer, concedida ao jornalista Costa Filho.

 

Para produzir o programa “E por falar em saudade”, Spencer chegava à emissora no início da noite. Seus ouvintes eram de todas as classes sociais que gostam de ouvir músicas do passado. Muitos juízes e desembargadores eram ouvintes do programa.

 

Em sua terra natal, Recife, Spencer Hartmann começou atuando na Rádio Relógio e no Aeroporto Guararapes, anunciando as chegadas e saídas de aviões. Em seguida, convidado por Hilton Motta, trabalhou na Rádio Correio AM.

 

Para a Rádio Tabajara foi levado pelo radialista Geraldo Cavalcanti, que faleceu em dezembro de 2010. Spencer era locutor e produtor de rádio. Na emissora do Estado também apresentou noticiários com os colegas Antonio Assunção, Walter Cartaxo, Hermano Ponce e Wladimir de Carvalho. Em Recife, Spencer apresentou por dois anos o programa “Noite de Saudade”, na Rádio Clube.