João Pessoa
Feed de Notícias

Ministro garante ampliação das vagas do Projovem Trabalhador na PB

segunda-feira, 25 de abril de 2011 - 15:58 - Fotos:  José Marques/Secom-PB

 

Governador recebe o Ministro do Trabalho, Carlos Lupi, no Palácio da Redenção. Foto: José Marques/Secom-PB

Durante reunião com o ministro do Trabalho, Carlos Lupi, no início da tarde desta segunda-feira (25), no Palácio da Redenção, o governador Ricardo Coutinho (PSB) pediu a ampliação das vagas do Projovem Trabalhador do Estado e o desenvolvimento de programas mais específicos de qualificação de mão de obra. O Governo Federal e o Governo do Estado estão investindo R$ 23 milhões para a viabilização do programa de formação profissional na Paraíba.

De acordo com o governador, o Estado teria condições de ampliar de seis mil para 15 mil alunos matriculados no programa de qualificação profissional dos jovens. “A metodologia que implementamos no Projovem em João Pessoa é referência no Brasil e podemos, a partir disso, dar conta com a nossa metodologia, empenho das equipes e pela percepção do quanto é importante o Projovem”, ressaltou Ricardo.

O governador ressaltou a importância do Governo Federal, Estado e municípios investirem na formação de mão de obra para setores que possuem demandas de vagas, como a construção civil, turismo e na agricultura. “É preciso que esses programas tenham um olhar no mercado”, destacou.

O ministro Carlos Lupi garantiu o aumento de vagas do Projovem Trabalhador no Estado, mas acrescentou que o quantitativo desse crescimento será decidido mais à frente, de acordo com o orçamento do programa. “O governador demonstrou interesse em avançar, assim como fez quando gestor de João Pessoa, o que está de acordo com o nosso interesse.  Vamos analisar o projeto encaminhado ao ministério e definir o quantitativo de vagas que possibilite que a formação seja regionalizada”, destacou Lupi.

O ministro destacou que existe uma sintonia muito grande entre o Governo do Estado e o ministério do Trabalho no sentido de investir de forma integrada na qualificação setorial nas áreas da construção civil, da agricultura e penal. “O Projovem Trabalhador é um dos mais importantes programas federais, pois possibilita a integração e a qualificação profissional dos jovens que ainda recebem uma bolsa de estudos durante seis meses e um apoio para conseguir o emprego”, avaliou.

Durante a audiência também foram discutido com o ministro Carlos Lupi outros programas federais que podem ser adotados no Estado, como o Projovem Campo, cujo edital já foi lançado pelo Governo do Estado, e o Projovem Prissional, programa de inclusão e formação dos presos para o mercado de trabalho.

O deputado federal Damião Feliciano (PDT), que vem lutando para ampliação do Projovem Trabalhador junto ao Ministério do Trabalho, fez uma avaliação positiva do encontro e estima que o número de vagas do programa na Paraíba será ampliado para 10 mil. “Será um grande avanço por possibilitar que o Estado leve a qualificação profissional dos jovens da Paraíba inteira num grande projeto de geração de emprego e renda”, destacou.

Além do governador Ricardo Coutinho e o ministro Carlos Lupi, participaram da reunião o vice-governador Rômulo Gouveia (PSDB), o prefeito de João Pessoa, Luciano Agra (PSB), o deputado federal Damião Feliciano (PDT), a secretária de Desenvolvimento Humano, Aparecida Ramos, o secretário de Turismo e Desenvolvimento Econômico, Renato Feliciano, os vereadores de João Pessoa Bira Pereira (PSB) e Geraldo Amorim (PDT), e a coordenadora do Projovem Trabalhador no Estado, Ludmila Carvalho.

O ministro do Trabalho cumpre agenda nesta segunda-feira na Paraíba, onde inaugurou o novo prédio da Gerência Regional do Trabalho e Emprego do município de Campina Grande e participa da aula inaugural do programa ProJovem Trabalhador – Juventude Cidadã, em João Pessoa.