João Pessoa
Feed de Notícias

Recursos Hídricos, dos Meio Ambiente e da Ciência e Tecnologia – UCE

As Unidades de Conservação são porções do território nacional, incluindo as águas territoriais, com características naturais de relevante valor, de domínio público ou de propriedade privada, legalmente instituídas pelo Poder Público com objetivos e limites definidos, sob regimes especiais de administração, os quais aplicam-se garantias de proteção.

Cada Unidade de Conservação recebe o manejo ambiental adequado para assegurar suas características naturais, ou seja: manter a diversidade natural, conservar os recursos genéticos e hídricos, favorecer a pesquisa científica, manejar os recursos florestais, promover a educação ambiental, o lazer, assegurar a qualidade ambiental e o crescimento econômico regional.

A SEMARH através da SUDEMA vem ampliando a cada dia o seu trabalho nas Unidades de Conservação. Isto significa a preservação do que temos de mais relevante em termos paisagísticos, belezas cênicas e recursos naturais, almejando o desenvolvimento sustentável. Atualmente a Paraíba conta com oito Unidades Estaduais de Conservação, sendo quatro parques, duas reservas ecológicas, um monumento natural e um jardim botânico.

Unidades de Conservação do Estado da Paraíba

Nome Área (ha) Documento de Criação Data Município Bioma
Reserva Ecológica Mata do Pau-Ferro 607,0 Decreto N.º 14.832 19/10/92 Areia Mata Atlântica
Reserva Ecológica Mata do Rio Vermelho 1.500,0 Decreto N.º 14.835 19/10/92 Rio Tinto Mata Atlântica
Parque Pico do Jabre 500,0 Decreto N.º 14.834 19/10/92 Matureia e Mãe D’água Mata Atlântica
Monumento Natural Vale dos Dinossauros 40,0 Decreto N.º 14.833 19/10/92 Souza Caatinga
Parque Estadual Pedra da Boca 157,3 Decreto N.º 14.889 07/02/00 Araruna Caatinga
Parque Estadual Marinho de Areia Vermelha Decreto N.º 21.263 07/02/00 Cabedelo
Jardim Botânico Benjamim Maranhão 329,4 Decreto N.º 21.264 07/02/00 João Pessoa Mata Atlântica
Parque Estadual da Mata do Xém-Xém 182 Decreto N.º 21.262 07/02/00 Bayeux Mata Atlântica

 

Áreas com Potencias para criação de Novas Unidades de Conservação

A Paraíba possui uma grande diversidade de paisagens distribuídas entre áreas úmidas (Manguezais, Cerrado, Mata da Restinga, Mata Atlântica, Brejos de Altitudes e Matas Serranas) e áreas semi-áridas, com cobertura florestal de caatinga, apresentando uma estratificação entre a caatinga arbórea fechada das serras à caatinga arbustiva aberta.

Após a conclusão do mapeamento e diagnóstico florestal a estado vem selecionando áreas que apresentam potencialidades para a criação de novas Unidades de Conservação dentre elas já em face de levantamentos de campo e estudos encontram-se selecionadas as seguintes áreas

Parque do Cabo Branco – João Pessoa

Mata da Usina São João – Santa Rita

Mata do Triunfo – João Pessoa

Mata Engenho Socorro – Areia, Alagoa Grande

Mata de Cabedelo – Cabedelo

Sítio Arqueológico de Pai Mateus – Boa Vista

Mata do Jacarapé – João Pessoa

Mata do Aratú – João Pessoa

Mata do Açude dos Reis – Santa Rita

Pedra do Ingá – Ingá

Fazenda Junco – Areia

Fazenda Lagoa da Cruz – Remígio

Mata da Jussara – Areia

Fazenda Craibeiras – B. de Santa Rosa

Fazenda Riacho da Cruz – B. de Santa Rosa

Mata de Monteiro – Monteiro

Serra do Jabitacá – Monteiro (nascente do rio Paraíba)

Serra dos Sucurus – Sumé

Serra Branca – Serra Branca

Serra do Caturité – Boqueirão

Serra Santo Antonio – Piancó

Mata Esc. Agrícola de Souza

Fazenda Pedra Cumprida – Sumé

Mata de Mangabeira – João Pessoa

Área de Proteção Ambiental Tambaba – Conde

Área de Proteção Ambiental das Onças – São João do Tigre

Reserva Ecológica Estadual de Goiamunduba – Bananeira