João Pessoa
Feed de Notícias

Maranhão visita obras no Hospital de Trauma de Campina Grande

segunda-feira, 18 de janeiro de 2010 - 10:42 - Fotos: 

Após assinar a ordem de serviço de retomada das obras do Hospital de Queimadas, em solenidade bastante prestigiada na tarde de sexta-feira, o governador José Maranhão fez mais uma visita surpresa ao Hospital de Trauma de Campina Grande. O governador chegou ao hospital por volta das 18h30, ao lado dos deputados federais Manoel Júnior e Wilson Santiago, entre outras lideranças políticas, e foi recebido  pelo diretor geral da unidade hospitalar João Menezes.

Ainda na entrada do hospital, João Menezes relatou ao governador e comitiva as informações atualizadas referentes ao andamento das obras que avançam a cada dia em ritmo acelerado. Atendendo pedido do governador, o diretor detalhou aos deputados Manoel Júnior e Wilson Santiago o projeto, destacando os equipamentos que estão sendo construído nos 8 módulos do segundo maior hospital do Norte Nordeste e o mais bem equipado do país.

Já era noite quando o governador e comitiva andaram por dentro do hospital e constataram o avanço das obras. Nos corredores encontraram alguns homens trabalhando. O governador, que tem feito visitas constantes ao Hospital de Trauma, mostrou para os deputados a importância da obra, que quando estiver funcionando vai atender pessoas de 180 municípios da Paraíba.

Mesmo com pouca iluminação, e com muita poeira, o governador fez questão de visitar a parte externa do hospital. E levou com ele parte da comitiva. José Maranhão reafirmou a sua pretensão de inaugurar o Hospital de Trauma de Campina Grande no mês de março deste ano. Segundo ele parte dos equipamentos já foram comprados e estão guardados no almoxarifado da Secretaria de Saúde em João Pessoa.
       
O investimento no Hospital de Traumas ultrapassa a cifra dos R$ 105 milhões,, sendo que R$ 55 milhões destinados para a compra de equipamentos e R$ 50 para a obra.
          
O Hospital de Trauma de Campina Grande será o maior da Paraíba e referência no Estado em atendimento aos casos de alta complexidade. Quando estiver funcionando, o Hospital terá 242 leitos, estacionamento com 470 vagas, um Heliporto entre outros equipamentos.  O Centro cirúrgico será dotado contará com seis salas, e cada uma das UTIs terá capacidade para 10 leitos.
      
Com uma área construída de de 22 mil metros quadrados, o hospital será referência para 1,9 milhão de paraibanos, mais da metade da população do Estado no Cariri, Brejo, Curimataú e Sertão. A área total do terreno é de 72 mil metros quadrados, (sete hectares).
       
Com a assinatura da arquiteta Aracy Guimarães, o Hospital foi projetado com objetivo de desafogar o atendimento nos demais hospitais do Estado, principalmente o Hospital de Traumas de João Pessoa.

Assessoria de Imprensa do Hospital Regional de Emergência e Trauma