João Pessoa
Feed de Notícias

Maranhão destaca investimentos em saúde, estradas e recursos hídricos

terça-feira, 29 de junho de 2010 - 13:37 - Fotos: 
Em obediência à Legislação Eleitoral, o programa semanal de rádio ‘Palavra do Governador’ vai retornar ao ar somente em outubro, depois das eleições. Na manhã desta terça-feira (29), no último programa antes do período eleitoral, o governador José Maranhão fez uma avaliação positiva das ações do Governo do Estado. Maranhão garantiu que as obras e demais ações governamentais manterão o ritmo normal de acordo com o cronograma de execuções dos projetos. “Eu devo dizer que todas as obras que estão em andamento vão continuar sendo executadas. Obras, como o Centro de Convenções de João Pessoa, as obras de melhorias do Porto de Cabedelo, dentre outros projetos”, assegurou.

Infraestrutura - Maranhão destacou que os projetos do Porto de Águas Profundas, a Via Jaguaribe, o Binário de Bayeux, a duplicação da BR 104, o projeto do Canal de Integração do Brejo (irrigação e abastecimento), e o Metrô de Superfície, são obras estruturantes que estão com seus respectivos projetos em andamento para numa segunda etapa terem as obras iniciadas.

Por outro lado, continuam sendo tocadas as obras de hospitais, adutoras, estradas, aeroportos, sobretudo o de Cajazeiras que será regional. As obras no Porto de Cabedelo incluem a dragagem e derrocagem. O porto também será modernizado, com reforço da área de atracação, a substituição dos guindastes, uma estação de passageiro, para recepcionar os turistas e outros viajantes em navios transatlânticos que vão aportar no Porto de Cabedelo. Em Bayeux, a Avenida Liberdade vai ser duplicada, através de um sistema binário.
Quanto ao Centro de Convenções, as obras da primeira etapa estão praticamente concluídas. Este empreendimento está inserido na área do Pólo Turístico Cabo Branco.

Saúde – Na área da saúde, o governador José Maranhão destacou a inauguração dos hospitais de Queimadas, Itapororoca, Itabaiana e a ampliação e modernização do Hospital Clementino Fraga, em João Pessoa,  inaugurados nos últimos dias, bem como a entrega do Centro de Hemodiálise e o Banco de Leite de Guarabira, nesta terça-feira (29).

“Em todos os hospitais do Estado da Paraíba há uma característica, hoje, que é inegável, é a qualidade desses hospitais. Acabamos de inaugurar três hospitais novos: o de Queimadas, o de Itapororoca e o de Itabaiana. Nesses três hospitais, tudo é novo, mas não é novo apenas porque foi comprado agora, é novo porque envolve tecnologia das mais modernas. Aí é que está na prática um conceito de oferecer no hospital público, qualidade para que os pacientes sejam bem atendidos, para que esse atendimento seja o mais humanizado possível e o mais respeitoso à própria cidadania”, declarou Maranhão.

Recursos Hídricos – sobre as obras na área de irrigação e abastecimento d’água, Maranhão destacou a fase em conclusão do Projeto Várzeas de Sousa, que pela primeira vez começa a produzir alimentos. No projeto estão sendo investidos cerca de R$ 60 milhões. Em licitação a ser concluída nos próximos dias está o Canal do Brejo para irrigar 20 mil hectares e que inicia na barragem Acauã e vai até a barragem Araçagi, e assim interliga as duas mais importantes bacias hidrográficas da Paraíba, que são a bacia do Paraíba e a bacia do Mamanguape.

Maranhão explicou que esse canal vai receber as águas da transposição do São Francisco, que cai na calha do rio Paraíba, alimenta o açude Boqueirão e depois o açude Acauã que, a partir deste canal, vai permitir a irrigação de 20 mil hectares e abastecimento para 500 mil paraibanos. A Transposição Litorânea, adutora já em execução, tem previsão de ser inaugurada nesse segundo semestre. Vai trazer segurança hídrica para um milhão e meio de pessoas da região metropolitana de João Pessoa.

Estradas – Na área de rodovias estão em licitação os quatro lotes para a pavimentação e restauração de 1.180 quilômetros de estradas em todas as regiões da Paraíba. Os recursos da ordem de US$ 150 milhões virão do empréstimo internacional já firmado junto à Corporação Andina de Fomento (CAF).

“Nós estamos licitando, de uma vez só, 1.180 km de estradas, que vai praticamente deixar novas as estradas antigas e vai permitir a abertura de novas estradas.”, comemorou Maranhão, se referindo aos US$ 150 milhões que serão aplicados nessas obras. “Nós já conseguimos, também, a autorização do Governo Federal para proceder a obra de duplicação da BR-104, que é uma estrada muito importante para o Brejo, porque ela começa em Remígio e vai até o limite com o estado de Pernambuco, passando pela cidade de Campina Grande”, afirmou o governador.

Maranhão revelou que essa estrada vai abrir uma perspectiva para a  economia da Paraíba muito forte, porque  tanto a região do Brejo como a cidade de Campina de Campina Grande têm uma interação muito forte na sua relação com Pernambuco, as duas economias têm pontos de  encontro, que permite, ora o escoamento ora  a importação de produtos que  são fabricados numa região, são vendidos em outras  e vice-versa. É uma estrada que vai permitir, portanto, um grande intercâmbio comercial e vai tornar cada vez mais forte a economia de Campina Grande, do compartimento da Borborema, maior intercâmbio cultural de Campina e Caruaru nos festejos juninos e beneficiará ainda o Brejo.

Josélio Carneiro, Secom-PB