João Pessoa
Feed de Notícias

Maranhão assina convênio com o Ministério dos Transportes

quinta-feira, 24 de setembro de 2009 - 08:25 - Fotos: 

O governador José Maranhão assinou na manhã desta quarta-feira (23), em Brasília, no Ministério dos Transportes, o Convênio de Delegação para que o Governo da Paraíba execute as obras de duplicação da BR-104,  trecho de 70 quilômetros entre Campina Grande e Caruaru-PE, a chamada ‘Estrada do Forró’. As duas cidades promovem os maiores festejos juninos do Brasil.

De acordo com Maranhão, a rodovia é importante para o desenvolvimento das atividades econômicas da Paraíba e da cidade pernambucana de Caruaru. Executada  em parceria com o governo federal, a obra custará cerca de R$ 300 milhões. As duas cidades abrigam indústrias de confecções, têxtil e na área metalúrgica. A duplicação da BR-104 vai facilitar o tráfego, também beneficiando o turismo. No trecho de Caruaru as obras já começaram.

A obra beneficiando a Paraíba e Pernambuco foi assegurada pelo próprio presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, em encontro com o governador Maranhão que pleiteou a delegação das obras para que o Estado executasse a duplicação e hoje comemora a conquista. “Essa estrada duplicada vai trazer uma grande contribuição para Campina Grande e Caruaru, gerando empregos e renda”, afirmou o governador Maranhão.

O governador já encaminhou nesta quinta-feira ao Ministério dos Transportes, o superintendente do Departamento de Estradas de Rodagem (DER), Solon Alves Diniz, que participa de uma reunião para tratar do projeto de duplicação da BR-104.

Maranhão também esteve na Secretaria do Tesouro Nacional, onde tratou do projeto de recuperação de toda a malha rodoviária na Paraíba. O empréstimo em andamento junto à Corporação Andina de Fomento (CAF), é da ordem de US$ 100 milhões e o Governo do Estado entrará com a contrapartida de outros US$ 50 milhões, totalizando US$ 150 milhões.

“Este projeto é fundamental para salvarmos a malha rodoviária estadual que está inteiramente destruída por seis anos de abandono”, revelou o governador. Os recursos também vão assegurar a pavimentação de acessos a muito municípios que ainda não dispõem de asfalto interligando a sede da cidade a rodovias vicinais.

Josélio Carneiro, da Secom