João Pessoa
Feed de Notícias

Maranhão assegura que este ano não vai faltar semente para agricultor

terça-feira, 19 de janeiro de 2010 - 11:50 - Fotos: 

“Este ano não vai faltar semente para a produção agrícola. Aliás, eu gostaria de ressaltar que o Estado da Paraíba este ano investiu mais de R$ 6 milhões na aquisição das sementes que serão repassadas gratuitamente a 109 mil famílias paraibanas”, garantiu o governador José Maranhão no programa semanal de rádio Palavra do Governador, na manhã desta terça-feira.

Maranhão afirmou que a distribuição das sementes começará no próximo dia 25, no Sertão paraibano, inclusive com a participação, a fiscalização e o acompanhamento dos Sindicatos de Trabalhadores Rurais de todo o Estado e outras entidades patronais também. Agricultores dos 223 municípios paraibanos receberão as sementes selecionadas, de qualidade, para o plantio.

A distribuição das sementes vai acontecer em todas as regiões do Estado, mas vai começar pelo sertão, já que existe na Paraíba dois regimes de chuva: o do Sertão, que geralmente quando o inverno é regular, começa em janeiro, e as demais regiões do Estado, a partir de março.

O governador Maranhão explicou que, ao assumir o Governo em fevereiro de 2009, o Estado ainda não havia distribuído as sementes e não havia estoque algum, então a Paraíba não teve semente para distribuir para os seus agricultores ano passado. “Para este ano o nosso governo providenciou previamente os contratos para fornecimento de semente de qualidade, aqui  na Emepa da Paraíba, nas Empresas de Pequisa de outros Estados da Federação e até com empresas particulares especializadas,  de forma que este ano não vai faltar semente para a produção agrícola”, assegurou Maranhão.

As sementes serão entregues pela Secretaria de Desenvolvimento da Agropecuária e da Pesca, nos escritórios da Emater. Serão distribuídas 1.085 toneladas de milho, 248 toneladas de feijão e outras 120 toneladas de algodão. Ao todo, as sementes irão somar quase 1.500 toneladas. A meta do governo é aumentar em 30% a produção deste ano, em relação a safra 2009. Cerca de 80% das toneladas que serão distribuídas foram produzidas na Paraíba e no Rio Grande do Norte. As outras 20% restantes foram compradas pelo governo. O Estado investiu cerca de R$ 6,3 milhões na aquisição de sementes.

Calendário - No dia 25, a distribuição começará pelo Sertão. Nessa região, o trabalho prossegue até 12 de fevereiro. No Cariri e Seridó, as sementes serão entregues entre os dias 1 e 12 de fevereiro. Em Campina Grande e no Brejo, os agricultores receberão as sementes entre 1 e 12 de março. Já os produtores do Agreste e Litoral serão contemplados no período de 15 a 26 de março.
  
Não é cobrado nenhum valor monetário em troca das sementes. Elas são entregues em regime de permuta. Ou seja, os agricultores as usam na produção deste ano. Mas na próxima safra devem devolver em grãos o dobro da quantidade recebida ao governo. Os grãos serão entregues a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural da Paraíba (Emater-PB) e serão usadas em atividades ligadas à agricultura.

Josélio Carneiro e Nathielle Ferreira, da Secom