João Pessoa
Feed de Notícias

Livro sobre direitos humanos será lançado na Fundação Casa de José Américo

quarta-feira, 16 de dezembro de 2015 - 10:38 - Fotos:  Divulgação

O livro “Práticas, Reflexões e Memórias em Direitos Humanos”, com textos assinados por 12 pesquisadores, será lançado nesta quinta-feira (17), às 19h, na Fundação Casa de José Américo. A obra foi organizada por Kleber de Araújo e Ana Patrícia da Costa Silva Carneiro Gama e será apresentada pela professora Maria de Nazaré Tavares Zenaide.

A publicação integra as produções dos mestres em direitos humanos e ex-alunos do curso de Mestrado em Direitos Humanos, Políticas Públicas e Cidadania do Núcleo de Cidadania e Direitos Humanos da Universidade Federal da Paraíba. Segundo Nazaré, o livro aborda a investigação e proteção das vítimas da violência estrutural, institucional e social, investigação das políticas sociais e de direitos humanos, que tem como horizonte a prevenção, uma nova cultura, onde caibam todos, sem precisar disputar um terreno na cela, no espaço urbano, no latifúndio, na cidade e no mundo.

Dividido em três capítulos, o primeiro integra artigos que tratam de problemas recorrentes e graves no campo dos direitos humanos internacional e nacional, como a tortura e o tráfico de criança para fins de exploração sexual. Participam deste debate: Noaldo Belo de Meireles, Ana Patrícia da Costa Silva Carneiro Gama, José Avenzoar Arruda das Neves e Thamara Maria Maia Duarte.

O segundo capítulo reúne profissionais do campo da educação básica com a educação não-formal em direitos humanos, refletindo experiências concretas de educação. Contribuem com essas reflexões e investigações: Kléber de Araújo, Patrícia Araújo Rocha, Renata Matias e Iranize Fabíola Maranhão.

O terceiro capítulo encerra a publicação com uma reflexão teórica e prática, abordando temas contemporâneos dos direitos humanos, como a relação entre territorialidade, identidade e etnia. Participam dessas reflexões: Mayra Porto de Almeida, Ratsiferana Macrina Alfama Pereira, Bruno Raphael Magalhães e Alana Venceslau Franco.