Fale Conosco

12 de julho de 2012

Litoral e Brejo receberão R$139,9 milhões para saneamento básico



SANEAMENTO foto jose marquesO Governo do Estado vai investir cerca de R$139,9 milhões em obras de saneamento básico nas regiões do Litoral e Brejo paraibanos. São investimentos com recursos do PAC 2 provenientes do Ministério das Cidades/FGTS,objetivando ações de esgotamento sanitário nos municípios de Areia, Conde e Lucena e de abastecimento de água nos municípios de Mamanguape, Areia, Itabaiana, Conde e Lucena. O governo terá como contrapartida nessas obras investimentos de quase R$10 milhões.

Segundo o governador Ricardo Coutinho, são os maiores investimentos já realizados nessas cidades. “São obras necessárias. É o be-a-bá da infraestrutura porque são obras estruturantes, estratégicas que representam os maiores investimentos que estas cidades já viram”, disse.

Ele explicou ainda que os investimentos estão garantidos graças à legalidade das contas do Estado com o Governo Federal, que deu o aval do repasse de R$129.944.684,55 somados à contrapartida do Estado de R$9.954.278,63 totalizando R$139.898.963,18 do montante que será empregado nas obras.

“Quero, nos próximos dias, assinar as ordens de licitação para que essas obras possam ser iniciadas dentro de pouco tempo porque elas vão resolver questões extremamente importantes”, destaca.

O governador explicou ainda que o investimento tem foco na cadeia produtiva da economia e também para que os municípios tivessem todas as necessidades atendidas. Segundo ele, é por isso que destes R$139,8 milhões, R$31,9 milhões serão investidos na construção de uma adutora (Gramame-Mamuaba) até a cidade do Conde. “O Conde é até hoje abastecido por água de poço. Nós vamos resolver isso. Esse é um compromisso que estamos tornando realidade”, assegura.

Além disso, a cidade do Conde receberá investimento da ordem de R$29,1 milhões para o serviço de esgotamento sanitário de Jacumã. “Isso é importante porque nós estamos atentos ao conjunto de intervenções que convergem entre si para criar condições adequadas e fazer com que algumas regiões aprofundem o desenvolvimento do turismo e a Costa do Conde é uma delas. É muito difícil atrair turistas sem ter sequer esgotamento sanitário”, avalia o gestor.

No município de Lucena, o governo vai investir R$37, 7 milhões na implantação da rede de esgoto e para levar água tratada da Cagepa para as praias de Costinha, Fagundes e Gameleira.

O governador destacou ainda que, no município de Areia, serão investidos R$16,5 milhões em esgotamento sanitário e R$11,4 milhões para ampliação do sistema de abastecimento de água. “Serão obras integradas e importantes para a bela cidade de Areia, patrimônio histórico nacional, que há muito tempo clamava por isso. Lá a cobertura do saneamento básico salta de 27% para 90%. Toda a cidade vai estar coberta e a água será garantida até 2013”, finaliza o governador.