João Pessoa
Feed de Notícias

Laboratório do Hospital de Trauma da Capital realizou mais de 540 mil exames em 2018  

quinta-feira, 10 de janeiro de 2019 - 18:07 - Fotos: 

O Laboratório de Análises Clínicas é um dos pilares fundamentais de apoio ao diagnóstico médico, por isso é de suma importância dentro de uma unidade hospitalar. Em 2018 foram realizados 544.520 exames, uma média de mais de mil exames ao dia, no Hospital Estadual de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena e o Hospital de Traumatologia e Ortopedia da Paraíba, ambos localizados em João Pessoa. Estes números deram à instituição o título de excelência pelo Programa Nacional de Controle de Qualidade (PNCQ) pela quinta vez consecutiva.

Segundo a coordenadora do Laboratório, Francisca Estrela, as conquistas atuais se refletem muito nos investimentos que o Governo do Estado realizou dentro do Hospital de Trauma. “Não podemos deixar de mencionar períodos anteriores que existiam dificuldades extremas, quando não tínhamos condições mínimas de cumprir nosso papel. Hoje, estamos vivendo um grande momento de respaldo técnico-profissional com o apoio da administração do hospital e do Governo da Paraíba, o que nos transformou num serviço de laboratório hospitalar de referência nacionalmente”, ressaltou.

Os dez exames mais solicitados ao Laboratório em 2018 foram: Hemograma (58.092), Potássio (5.982), Creatina (5.840), Sódio (5.760), Ureia (5.620), Magnésio (5.910), Glicose (5.410), Cálcio (5.550), PCR (4.860) e Fósforo (4.250). E a área que mais pediu exames foi a Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) adulto.

No ano passado, a unidade de saúde investiu em algumas aquisições valiosíssimas para o setor, como: dois aparelhos de automação em hematologia e dois em bioquímica; aparelho de automação em hemoculturas – que garante a liberação de resultado de hemoculturas em até 24h; Interfaceamento de solicitação dos exames e liberação de laudos para todos os setores da instituição.

Foram implantados no Hospital de Trauma alguns indicadores que demonstram a rapidez e o fluxo na qualidade dos resultados dos exames, principalmente em setores de emergência/crítica. Na Área Vermelha, por exemplo, o tempo médio de atendimento é de 30 minutos, já o tempo médio de coleta a liberação do laudo é 1 hora e 16 minutos, enquanto nos outros setores a média é de 1 hora 23 minutos. 

Serviço – O Laboratório de Análises Clínicas da unidade de saúde funciona 24 horas, todos os dias da semana, com 32 funcionários, dos quais 15 técnicos de laboratórios, dois digitadores, cinco farmacêuticos, cinco biomédicos, quatro técnicos de enfermagem e um enfermeiro, todos organizados por uma escala.