Fale Conosco

19 de novembro de 2010

José Maranhão recebe governador eleito Ricardo Coutinho no Palácio



O governador José Maranhão e o governador eleito Ricardo Coutinho, acompanhados por suas equipes de transição de governo, tiveram encontro de meia hora na manhã desta sexta-feira (19), no Salão Rosa do Palácio da Redenção. O governador José Maranhão avaliou que o encontro foi positivo, houve uma conversa franca sobre temas importantes.  “Farei tudo no sentido de facilitar o seu trabalho, sempre naquela visão republicana de que temos que cumprir a lei, e temos que nos orientar pelos princípios da boa ética política, da transparência, sobretudo em respeito à inteligência e à sensibilidade de todos os paraibanos”destacou.

“Eu desejei, e desejei sinceramente a Ricardo, que ele tivesse sucesso na sua administração porque se ele não tiver sucesso quem perde com isto é a Paraíba, muito mais do que ele, e é isto que eu quero, que a administração dele dê certo”.

Maranhão afirmou que recebeu as solicitações do governador eleito e que sua equipe está providenciando as informações. Sobre a proposta de transferência de gestão, modelo sugerido por Ricardo Coutinho, Maranhão declarou que segue o que é legal e possível de acordo com a Constituição. “Eu disse ao governador Ricardo Coutinho que colaborava em todos os sentidos, prestando as informações que a estrutura jurídica e legal do país o permite prestar, para isto nomeei a comissão de transição de governo”. José Maranhão reiterou que Ricardo tenha êxito em sua administração, o que será bom para a Paraíba. O governador ressaltou que a transferência de gestão ainda não existe na Constituição.

A respeito do pedido do governador eleito, de prorrogar os prazos de convênios do Estado com o Governo Federal, Maranhão adiantou que essa providência já foi tomada e que a prorrogação é um ato de rotina.

Obras – O governador Maranhão fez um breve balanço sobre as principais obras de seu Governo. O Hospital de Trauma e Emergência de Campina Grande será inaugurado dia 10 de dezembro. As pavimentações e recuperação de estradas estão em andamento com os recursos do empréstimo internacional junto à Corporação Andina de Fomento (CAF). Adutoras foram inauguradas e outras estão em andamento.

O governador José Maranhão ressaltou na entrevista que, de fato, seu governo assegurou projetos com recursos garantidos em Brasília da ordem de R$ 2,5 bilhões. São projetos nas áreas de infraestrutura hídrica, estradas, e infraestrutura geral que vão proporcionar mais qualidade de vida aos paraibanos. O novo governo vai encontrar ainda disponível parte dos recursos do primeiro empréstimo junto ao BNDES – Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social. O primeiro contrato já teve aplicação de 65%. O segundo empréstimo está com 100% de seus recursos disponíveis para o governo que começa dia 1º de janeiro, garantiu Maranhão.

O governador destacou que as contas do Estado são transparentes, estão publicadas no site da Controladoria Geral do Estado e no próprio Tribunal de Contas do Estado. “A transparência para mim é um princípio”, disse Maranhão.

O secretário Roosevelt Vita, coordenador da equipe de transição do atual governo, revelou que o próximo passo depois da reunião desta sexta-feira será a continuidade dos trabalhos. As informações serão repassadas com responsabilidade e transparência.

Roosevelt Vita informou que todas as obrigações do Estado estão em dia. Existe hoje permissão do Governo Federal para que o Governo da Paraíba faça empréstimos da ordem de mais de R$ 700 milhões, junto à Caixa, ao BNDES. Em caixa, o Governo Maranhão deixará mais de R$ 300 milhões para obras.  E o governo atual não tem problemas de caixa. Nunca se deixou de se pagar em dia o servidor estadual. Vita disse ainda que o atual governo sempre investiu os 12% exigidos para a Saúde e os 25% na Educação.

Com exceção do secretário da Saúde, José Maria de França, os demais integrantes da comissão de transição nomeada por Maranhão participaram da reunião de trabalho: Roosevelt Vita (Controladoria Geral do Estado), Antonio Fernandes (Administração), Marcus Ubiratan (Finanças), Francisco Sarmento (Meio Ambiente, Recursos Hídricos e Ciência e Tecnologia),  e Sales Gaudêncio (Educação e Cultura).

O governador eleito, Ricardo Coutinho, esteve acompanhado do vice-governador eleito Rômulo Gouveia, e dos assessores Gustavo Nogueira, Aracilba Rocha, Walter Aguiar, Livânia Farias e Marly Lúcio.
    

Josélio Carneiro, com fotos de Walter Rafael e Antonio David, da Secom-PB