João Pessoa
Feed de Notícias

Jornalistas recebem premiação do Portal Crianca.PB

quinta-feira, 6 de dezembro de 2012 - 16:50 - Fotos:  Walter Rafael / Secom-PB

O portal Criança.PB, da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Humano (Sedh), realizou a cerimônia do II Prêmio Criança.PB de Jornalismo, na noite dessa quarta-feira (5), na Maison Blu’nelle, em João Pessoa. A edição deste ano, que teve como tema “Infância e adolescência como prioridade absoluta”, obteve mais de 50 inscritos, distribuídos em cinco categorias: jornalismo impresso, jornalismo de internet, telejornalismo, radiojornalismo e fotojornalismo.

O primeiro lugar de jornalismo impresso ficou com a jornalista Nathielle Ferreira, do Jornal da Paraíba. Como a vencedora não estava no local, o troféu foi entregue a Natália Xavier que ganhou o segundo lugar na categoria e trabalha no mesmo veículo de comunicação.

O terceiro lugar do impresso foi para Lidiane Gonçalves, com a matéria “Acidentes de trabalho ameaçam saúde de crianças e adolescentes”, publicada no Jornal A União. Os nomes dos vencedores e as matérias podem ser conferidos no link  abaixo.

Premiação – A secretária de Estado de Desenvolvimento Humano, Aparecida Ramos, falou sobre o compromisso que o Governo do Estado tem em incentivar prêmios que promovam a efetivação do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). Ela ressaltou também que, no próximo ano, a ideia é aumentar o valor da premiação.

Nesta edição, os três primeiros ganhadores de cada categoria receberam um troféu e uma quantia em dinheiro de R$ 1.500. Para o segundo lugar de cada categoria o valor foi de R$ 1.000 e os terceiros receberam R$ 500.

“O objetivo de incentivar a premiação é fazer que a causa da criança e do adolescente seja da gestão pública e sobretudo da sociedade como um todo. Se a gente não consegue proteger uma fase da vida que é essencial para o ser humano, então não podemos caminhar muito e isso a gente só faz com o apoio de toda sociedade”, ponderou.

A idealizadora do prêmio Criança.PB, a jornalista Janaína Araújo, já pensa na próxima edição. “O projeto vai ser renovado e, em 2013, a expectativa é dobrar a premiação. Precisamos que os profissionais da imprensa, cada vez mais, escrevam de maneira comprometida e engajada para promover o direito das crianças e adolescentes. Que os profissionais façam matérias propositivas, que apontem soluções e não só denúncias”, frisou.

Também prestigiaram o evento, a Associação Paraibana de Imprensa (API), representada pela jornalista Haceldama Borba, o presidente do Sindicato dos Jornalistas, Rafael Freire; representantes da Rede de Proteção à Criança e ao Adolescente e Organizações Não Governamentais.

Estudantes premiados – Durante a solenidade, cerca de 30 alunos de escolas públicas que participaram de uma série de oficinas de rádio realizada pelo portal também receberam premiação.

Como fruto das oficinas, foi gravado o CD, “Direitos e Deveres de Crianças e Adolescentes”, composto por quatro programas de rádio que abordam temas da infância e adolescência como bullying, pornografia infantil na internet, drogas e gravidez na adolescência. O CD contou com a participação de mais de 30 estudantes das escolas Economista Celso Monteiro Furtado, Almirante Tamandaré e Cônego Nicodemos Neves.

O estudante Felipe dos Santos foi o ganhador do concurso de desenhos que ilustra a capa do CD. A diretora da escola Celso Furtado, Josiane Doia, ressaltou a importância de motivar as crianças. “Eles ficam muito motivados quando existem estas premiações. Vale à pena estimular os alunos porque eles assistem até às aulas mais determinados”, disse.

Confira a relação dos vencedores