João Pessoa
Feed de Notícias

Jogos Escolares da Juventude reinauguram Ginásio da Vila Olímpica

quarta-feira, 12 de novembro de 2014 - 17:11 - Fotos:  Walter Rafael

Após receber uma ampla reforma, o Ginásio 1 da Vila Olímpica Ronaldo Marinho está sendo palco das primeiras partidas de um campeonato oficial. As disputas de handebol masculino dos Jogos Escolares da Juventude começaram na terça-feira (11) e seguem até sábado (15). Entre os aspectos mais elogiados pelos atletas está o novo piso especial, que permite mais amortecimento durante o impacto e melhor aderência para evitar quedas.

O gerente operacional da Vila Olímpica Ronaldo Marinho, Antônio Meira Leal, explicou que as melhorias no ginásio já foram concluídas. “Toda infraestrutura do teto e da coberta foi mudada. Toda a parte elétrica, incluindo a iluminação, e hidráulica é nova. Os sanitários também foram reformados, ampliamos as salas de apoio e investimos na acessibilidade de todo ambiente”, ressaltou. “Um dos maiores destaques é esse piso da quadra, que foi trocado por um novo e emborrachado”, acrescentou.

Na manhã desta quarta-feira (12), jogaram no Ginásio 1 equipes da Paraíba, Rio Grande do Sul, Rondônia, Mato Grosso, Bahia e Amapá. O estudante Thalisson Tavares, de Porto Velho, foi um dos vários atletas que elogiaram o piso especial do ginásio. “A quadra está bacana, está ótima. As cores do piso também estão bem fortes e dá bem para visualizar as marcações”, falou.

A reforma de toda a Vila Olímpica ainda está em andamento, mas muita coisa já pode ser conferida. O parque aquático, por exemplo, é uma das unidades do complexo esportivo que chama bastante atenção. Ao todo, são cinco piscinas para diferentes modalidades, sendo que duas delas são novas e as três restantes foram restauradas.

O restante da Vila Olímpica vai ainda contar com pista oficial de atletismo, quadras de areia e com piso, alojamento para atletas, outros ginásios e equipamentos. “É uma obra para a população, porque o povo vai ter acesso a um equipamento de qualidade e público”, enfatizou o gerente operacional da Vila Olímpica, Antônio Meira Leal.