João Pessoa
Feed de Notícias

João Pessoa, Cabedelo e Conde foram escolhidas para as locações de filme

segunda-feira, 14 de junho de 2010 - 10:58 - Fotos: 

A equipe de produção do longa metragem ‘O Grande Kilapy’ esteve em João Pessoa para escolher as locações e selecionar atores paraibanos que participação do filme, que terá cenas gravadas na Paraíba. O diretor do longa, Zezé de Gamboa, disse que as cidades de João Pessoa, Cabedelo e Conde foram escolhidas para as filmagens por terem uma grande semelhança com a cidade de Luanda, capital de Angola, durante o período Colonial.
 
Zezé de Gamboa conta que esteve em João Pessoa pela primeira vez durante a realização do 1º Cineport.  “Nessa época, o projeto do filme já exista, mas não tinha um lugar com a atmosfera de Luanda na época que se passa o filme. A arquitetura que nós precisávamos só foi encontrada aqui na Paraíba,” destacou Gamboa. O diretor esteve em João Pessoa acompanhado do produtor local, Heleno Bernardo.

O diretor do filme foi recebido pela diretoria da PBTUR (Empresa Paraibana de Turismo). O Governo do Estado está dando apoio logístico à equipe do longa metragem. Rodrigo Freire, presidente da PBTUR, disse que esta produção é muito importante para Estado, assim como o intercâmbio gerado entre os países onde o filme será realizado.

“Esta é uma grande estratégia de marketing, pois muitos destinos e roteiros só ficaram conhecidos mundialmente depois que fizeram parte de filmes, como é o caso no nosso Cariri, que já serviu de palco para várias produções nacionais”, enfatizou Rodrigo Freire. O diretor adjunto da PBTUR, Alberto Carlos, aposta no sucesso de filme, que contribuirá para atrair mais turistas para a Paraíba.

Locações

Segundo o produtor local do filme, Heleno Bernardo, 70% do filme serão gravadoso na Paraíba. Em João Pessoa, as locações do filme serão na Praça Antenor Navarro, no Centro Histórico. O interior do 1º Batalhão da Policia Militar será transformado em uma delegacia. Também servirão de cenário o Clube Astréa, o Cine Bangüê, no Espaço Cultural, onde será exibido um filme que faz parte do longa.
 
No Aeroclube da Paraíba, no Bessa, também serão gravadas cenas de uma aeronave pousando e decolando. A praia de Manaíra, próximo ao Mag Shopping, será outro ponto da cidade a ser utilizado para locações e o restaurante Bargaço será transformado em um clube naval de Luanda.

Em Cabedelo, um dos bares e restaurantes da praia do Jacaré também fará parte do filme, assim, como o por do sol do Jacaré. Já na costa do Conde, a estrada que dá acesso à praia de Coqueirinho; o sitio Caseiro, mais conhecido como ‘bar da Galinha’ e a própria praia de Coqueinho completam os cenários de o ‘Grande Kilapy’.

O filme

O ‘Grande Kilapy’, que significa o ‘Grande Golpe’, é uma co-produção internacional entre Brasil, pela Raiz Produções; Portugal, David e Golias e Angola, Gamboa e Gamboa.  O longa é conta a história de Joãozinho, um bom malando, um verdadeiro ‘bom vivant’, que por sua conduta passa a ser assediado pela política.

Joãozinho ‘ama’ tudo, primeiro celebra a si próprio; depois as mulheres, os carros a boa mesa, a moda e os bons lugares.
O personagem nutre secretamente o desejo de conquistar um lugar ao sol, mas por suas qualidades sabe que isso só será possível através do dinheiro. Aproveita-se da fragilidade da máquina financeira do Estado e dá um grande golpe no Estado. Pior seria enganar um amigo e isso Joãozinho não faz.

Da Assessoria de Imprensa da PBTUR