Fale Conosco

24 de março de 2014

João Pessoa apresenta redução de homicídios de 45% no primeiro bimestre de 2014



As ações desenvolvidas pelo Governo do Estado, através das forças de segurança, conseguiram reduzir em 45% o número de assassinatos registrados em João Pessoa e manter, já no 1º bimestre de 2014, a queda na incidência desse tipo de crime na cidade. Os dados são consequência da execução do programa ‘Paraíba Unida pela Paz’, implantado pelo governador Ricardo Coutinho em  2011, e que tem como principal objetivo diminuir os crimes contra a vida no Estado.

De acordo dados da Secretaria de Estado da Segurança e da Defesa Social, nos dois primeiros meses deste ano aconteceram em João Pessoa 58 Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI), que são os homicídios dolosos ou qualquer outro crime doloso que resulte em morte. O número é 45% menor do que o aferido na cidade no mesmo período de 2013, quando se contabilizou 105 assassinatos.

2014 segue a tendência verificada pela secretaria desde 2012, quando foi registrada uma redução de 13% nos CVLI, com 76 casos a menos (de 594 para 518) na cidade.  Em 2013, a queda se manteve, com 515 casos. A diminuição de homicídios com vítimas do sexo feminino também foi verificada pelo Núcleo de Análises Criminais da Seds. Em 2012 aconteceram 47 casos, enquanto que em 2013 foram 34 CVLI de mulheres em João Pessoa.

Para o secretário de Estado da Segurança e da Defesa Social, Cláudio Lima, a desaceleração e posterior redução dos crimes contra a vida na Capital e na Paraíba são de extrema importância, pois demonstram que as ações das Polícias Civil, Militar e do Corpo de Bombeiros voltadas para o enfrentamento à violência estão no caminho certo. “Além de João Pessoa outros municípios da Paraíba apresentaram queda nesse tipo de crime, a exemplo das cidades Cabedelo (34%) e Bayeux (4%), que se localizam na região metropolitana da Capital. Isso mostra que o modelo de gestão adotado pelo Governo da Paraíba, consistente em uma política de segurança pública com foco voltado no resultado e mudanças estruturais, como por exemplo, a integração entre as polícias e investimento em inteligência policial, fazem parte de uma metodologia onde são estabelecidas metas e responsabilidades territoriais aos gestores de todo sistema de segurança pública que se refletem na melhoria da gestão e, consequentemente, em resultados positivos com a diminuição dos índices de criminalidade”, ressaltou o secretário.

Cláudio Lima ressaltou ainda a queda da ocorrência de assassinatos em alguns bairros de João Pessoa, a exemplo do São José. “A localidade sofreu uma transformação, pois em 2011 teve 37 CVLI e em 2013 foram sete, o que é uma redução de 81%”, frisou.

No ano de 2012 a Paraíba verificou, pela primeira vez em 10 anos, uma queda nos homicídios ocorridos no Estado. Os números passaram de 1.680 CVLI em 2011 para 1.542 no ano posterior, que significou uma redução de 8,21%. Em 2013, houve 1.537 assassinatos, mantendo a tendência de diminuição dos casos.

Nos primeiros dois meses deste ano, a Paraíba apresentou redução de 16% nos CVLI em relação ao mesmo período do ano anterior (de 261 para 219). Em 2011 foram 293 casos.