João Pessoa
Feed de Notícias

João Bosco é a grande atração da noite de hoje no Fenart

segunda-feira, 24 de maio de 2010 - 16:30 - Fotos: 
O cantor mineiro João Bosco brinda os paraibanos com um show em João Pessoa do seu último trabalho, “Não vou para o céu, mas já não vivo no chão”, nesta terça-feira (25), no Espaço Cultural José Lins do Rego, dentro da programação do 13º Fenart. O cantor e compositor, que coleciona sucessos e parcerias com grandes nomes da música popular brasileira, apresenta-se no palco principal do festival às 21h, com entrada gratuita ao público.

O mineiro deu início a sua trajetória musical há mais de 40 anos, cantou e compôs ao lado de referências musicais, como Vinícius de Moraes, Elis Regina e Aldir Blanc. Do passado, João retoma sua histórica parceria com Aldir. Para o futuro, João confirma a excelência de seu mais recente parceiro, o próprio filho, Francisco Bosco, ensaísta, poeta e letrista.

No show desta terça-feira, em João Pessoa, João Bosco sobe ao palco principal do Espaço Cultural acompanhado por Ricardo Silveira (guitarra), João Baptista (baixista) e Kiko Freitas (bateria). No repertório, sucessos consagrados como “Malabaristas do Sinal Vermelho" (João Bosco / Francisco Bosco), "Papel Machê" (João Bosco / Capinam) e "O Bêbado e a Equilibrista" (João Bosco / Aldir Blanc).

No Teatro Paulo Pontes, o espetáculo “O Capitão e a Sereia”, do grupo Clowns de Shakespeare, será encenado às 20h. O Clowns de Shakespeare é o primeiro grupo potiguar de teatro a vencer o Prêmio Shell. Eles concorreram na 22° edição do prêmio relativo aos espetáculos estreados em 2009 em São Paulo, pelo mesmo espetáculo que será exibido no Paulo Pontes, em duas categorias: música (Marco França) e figurino (Wanda Sgarbi).

O grupo surgiu em 92, numa escola de segundo grau. Em 15 anos de existência, o ‘Clowns de Shakespeare’ acumulou prêmios e se consolidou como o grupo de teatro mais prestigiado do Rio Grande do Norte. Foram dez passagens da trupe pelo estado de São Paulo, onde arrancaram aplausos da crítica.

Antes do “Clowns”, ainda no Paulo Pontes, o público poderá ver o reconhecido espetáculo ‘Esparrela’, do grupo Bigorna, às 18h. No auditório Zé da Luz, o Grupo Geca mostra ‘Cordel em Retalhos. Na dança, o Acena apresenta “Pulsação” às 19h30, e a Paralelo mostra “Três Irmãs”, às 20h30, ambos no palco 2.

Baseado na obra homônima de Marçal Aquino, o aguardado "Cabeça a prêmio", que marca a estreia do ator Marco Ricca na direção de longas-metragens, encerra a sessão de cinema do Bangüê, nesta terça-feira. A exibição é a partir das 20h, logo após o curta “Depois da Curva”, de Helton Paulino. Os ingressos custam entre R$ 5 e R$ 10 (meia e inteira, respectivamente).

O badalado "Cabeça a Prêmio" é baseado na obra homônima do escritor Marçal Aquino e conta a história da família Menezes. Os irmãos Mirão (Fúlvio Stefanini) e Abílio (Otávio Muller) são poderosos fazendeiros do Centro-Oeste. Quando a filha de Mirão, Eliane (Alice Braga), e Dênis (Daniel Hendler), piloto de avião da fazenda, têm um caso, a família entra em crise. O casal foge e é perseguido pelos empregados da família, Brito (Eduardo Moscovis) e Albano (Cássio Gabus Mendes).

Outros destaques – O terceiro dia de programação do Fenart ainda tem o Armorial Cordas de Caroá, de Marco di Aurélio, às 15h, na Praça do Povo. Ás 18h, Oliveira de Panelas, Sérgio Túlio e Afranio Ramalho reverenciam a tradição de violeiros. Também tem show do Quarteto de Trombones (PB), seguido por Ney Conceição Trio (RJ) no Bangüê, a partir das 18h.

Para encerrar a noite, música paraibana. Depois do show de João Bosco, Jurandy do Sax, famoso por tocar o “Bolero de Ravel” na Praia do Jacaré, sobe ao palco 2. Na seqüência, Regina Brown, Dida Fialho e Anay Claro mostram repertório legitimamente paraibano, encerrando a programação de terça.

PROGRAMAÇÃO: TERÇA-FEIRA (25)

Artes Visuais
Mezanino 1
- Coletiva ‘A Fotografia Contemporânea Paraibana’
Galeria Archidy Picado
‘Desvios, o Fim das Coisas’ – Adriana Aranha

Atividades Diversas
Praça do Povo
A partir das 19h – Feira de Artesanato
A partir das 19h – Feira Capim Fashion

Literatura
Auditório 5 José Siqueira
09h – Oficina Teórico Prática de Cotação de História- Valeska  Picado-PB
18h30 – Lançamento de Livro
- ‘Santa Rosa: Um Teatro Centenário’, de Fátima Araújo
- ‘Esplendor & Tragédia’, de Biu Ramos
Praça do povo
A partir das 16h – Feira de Livros
15h – Armorial Cordas de Caroá Marco Di Aurélio –PB
18h – Show de Violeiros com Oliveira de Panelas, Sergio Tulio e Afranio Ramalho- PB
Mezanino 1
A partir das 16h – Exposição de xilogravura em Cordel-Marcelo Alves -PE
Submezanino 2
A partir das 16h – Exposição de Sivuca

Música Instrumental
Cine Banguê
18h – Quarteto de Trombones – PB
19h – Ney Conceição Trio – RJ

Teatro
Auditório Zé da Luz
18h – Projeto Ensaio – ‘Cordel em Retalhos’ – Grupo GECA – PB. Direção: Coletiva
Teatro Paulo Pontes
18h – Espetáculo ‘Esparrela’ – Grupo de Teatro Bigorna – PB. Direção: Fernando Teixeira
20h – Espetáculo ‘O Capitão e a Sereia’ – Clowns de Shakespeare – RN. Direção: Fernando Yamamoto.

Dança
Palco 2
19h30 – Espetáculo ‘Pulsação’ – ACENA – PB. Direção e coreografia Rosa Cagliane e Joyce Barbosa
20h30 – Espetáculo ‘Três Irmãs’ – Cia. Paralelo – PB. Direção e coreografia Joyce Barbosa

Cinema
Espaço Cine Digital
15h – Debate sobre o filme ‘Zé Ramanho – o Herdeiro de Avôhai’
Expositor: Jomard Muniz de Britto
Debatedores: Elinaldo Rodrigues, Ricardo Anísio
20h – Exibição do filme ‘Vida e Obra de Sivuca’
Exposição ‘A Presença de Sivuca no Cinema’
Expositor: Glorinha Gadelha
Debatedores: Carlos Anísio, Lúcio Villar.
Cine Bangüê
16h – Mostra competitiva de Vídeo
20h –Sessão de cinema:
[Curta] ‘ Depois da Curva’ de Helton Paulino (18’, Fic., Cor., PB)
[Longa] ‘Cabeça a Prêmio’, de Marco Ricca (104', Fic, 2009, São Paulo – SP)
Espaço Cine Digital
20h – Sessão Academia Paraibana de Cinema – ‘Sivuca, o Poeta do Som’ (PB)
00:00 h – Mostra ‘For Rainbow’ – CE

Música
Palco 1
21h – Show com o cantor João Bosco – MG
Palco 2
22h – Show com Jurandy do Sax – PB
23h – Show com Regina Brown, Dida Fialho e Anay Claro – PB

SERVIÇO
13ª FENART – FESTIVAL NACIONAL DE ARTE
Onde: Espaço Cultural (R. Abdias Gomes de Almeida, 800, Tambauzinho, João Pessoa – tel.: 83.3211.6210)
Quando: de 23 a 29 de maio, a partir das 18h.
Quanto: gratuito (exceto para cine-teatro Bangüê e teatro Paulo Pontes, cuja entrada será R$ 5, preço promocional estudante).

Da Assessoria de Imprensa da Funesc