João Pessoa
Feed de Notícias

Investimentos do Estado em Campina Grande ultrapassam R$ 70 milhões

quarta-feira, 7 de março de 2012 - 11:00 - Fotos:  Xico Moraes/Secom-PB

Os investimentos promovidos pelo Governo do Estado em Campina Grande ultrapassam os R$ 70 milhões. Os recursos foram distribuídos em diversos setores, como educação, saúde, saneamento e abastecimento, segurança, estradas, esportes, ação social, desenvolvimento econômico, tecnologia e habitação.

Na área de educação houve projetos importantes, como reforma e ampliação da Escola Técnica de Áudio-Comunicação Demóstenes Cunha Lima, com investimentos na ordem de R$ 1.844.623,10; e das Escolas Estaduais Padre Emídio Viana Correia (R$ 550.896,29); Monte Carmelo (R$ 173.000,00); Elpídio de Almeida – o Estadual da Prata – (R$ 1.552.440,00); Nossa Senhora do Rosário (R$ 132.285,00); Murilo Braga (R$ 19.381,21); D. Luiz Gonzaga Fernandes (R$ 452.042,38); Ademar Veloso (R$ 179.924,04); Poetisa Vicentina Vital do Rêgo (R$187.034,51); e E.E.E.F.M. Major Veneziano Vital do Rego (R$ 323.834,36).

O Governo também reforma as quadras de esportes da Escola Estadual Anésio Leão (R$ 241.733,82), da Escola Estadual de Aplicação (R$ 153.221,74) e da Escola Estadual Williams de Sousa Arruda (R$ 227.898,70); a construção de muro e estacionamento da E.E.E.F. Assis Chateaubriand, obra que representa um investimento de R$ 26.326,48, e a assinatura de convênio para a liberação de R$ 2,4 milhões em benefício de oito entidades sociais campinenses.

Os recursos se destinam ainda à Escola Técnica Redentorista (Eter), à Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae), à Fundação Assistencial da Paraíba (Fap), ao Centro de Recuperação Homens de Cristo, à Casa da Acolhida São Paulo da Cruz, à Casa da Criança Dr. João Moura, à Casa do Menino e à Casa da Caridade Padre Ibiapina.

Saúde – O Governo do Estado priorizou a conclusão, a estruturação e o funcionamento do Hospital de Emergência e Trauma Luiz Gonzaga Fernandes. Nesse projeto, foram investidos R$ 5 milhões – e, em pouco tempo, a nova unidade hospitalar começou a apresentar resultados muito positivos. Somente no ano de 2011 foram atendidas mais de 100 mil pessoas.

O Trauma de Campina dispõe de um setor de pediatria funcionando com 30 leitos de UTI (adulta e infantil), UTI para queimados, salas de cirurgia, sala de tomografia e ainda 242 leitos para atendimentos gerais. A unidade hospitalar atende diariamente uma média de 300 pacientes, é referência para 173 municípios paraibanos e recebe ainda pessoas vindas de Estados vizinhos, como o Rio Grande do Norte e Pernambuco.

Também na área de saúde, o Governo do Estado viabilizou, por meio do Pacto pelo Desenvolvimento Social – Contrapartida Solidária, a liberação de R$ 165.390,00 para a aquisição de equipamentos e material permanente para atendimento hospitalar.

Saneamento e abastecimento – No âmbito da Companhia de Água e Esgotos da Paraíba (Cagepa), merecem destaque os projetos de conclusão do sistema de tratamento de esgoto de Campina Grande, para o qual estão sendo destinados R$ 2.800.000,00; de automatização do sistema de abastecimento d’água da cidade (R$ 4.200.000,00), e de retomada da construção da Adutora São José.

A adutora faz parte do Plano de Aceleração do Crescimento (PAC); vai beneficiar 500 mil pessoas, e representará um investimento de R$ 22 milhões provenientes da Caixa Econômica e do Tesouro Estadual.

Segurança – Na área de segurança pública, o Governo do Estado investiu R$ 1.400.000,00 na estrutura da nova sede da 2ª Delegacia Regional de Polícia Civil (Central de Polícia de Campina Grande). Também foram investidos outros R$ 500 mil na aquisição de novos equipamentos. O órgão abrange 33 municípios do Compartimento da Borborema e atende a uma população de 800 mil habitantes.

Ocupando uma área total de 7.231,08m², com 1.559m² de área construída, o novo complexo abriga a 2ª Delegacia Regional de Polícia Civil, com gabinete do delegado regional; a Delegacia de Homicídios; a Delegacia de Roubos e Furtos; a Delegacia de Vigilância Geral; a Delegacia da Infância e Juventude; a Delegacia de Crimes contra a Infância e Juventude; a Delegacia da Mulher; a Delegacia de Defraudações; a Delegacia de Acidentes de Veículos; auditório e carceragem.

Estradas e rodagens – Neste setor, o Governo do Estado autorizou o investimento aproximado de R$ 4,4 milhões no reinício e execução das obras de pavimentação da rodovia PB-196. Outra iniciativa de destaque é a recuperação da ponte Galante/Fagundes, projeto que demandará um investimento de R$ 830 mil.

Esporte – Para garantir maior segurança e comodidade aos torcedores dos clubes profissionais de futebol de Campina Grande, o Governo decidiu priorizar a ampliação do estacionamento do Estádio Governador Ernani Sátyro, popularmente conhecido como “O Amigão”. Para a execução de projeto foram destinados R$ 782.918,68.

Ação social – Nesta área, destaca-se a construção e manutenção do Restaurante Popular de Campina Grande. Representando um investimento de mais de R$ 500 mil, o refeitório está localizado na Avenida Floriano Peixoto, tem estrutura para fornecer até mil refeições diárias e funciona de segunda a sexta-feira, no horário das 11h às 13h30.

Com apenas R$ 1, o trabalhador tem direito a um prato com proteína, carboidratos, frutas e verduras, e mais um copo de suco. Para complementar o pagamento, o Governo do Estado assumiu a responsabilidade de subsidiar R$ 2,95.

Desenvolvimento econômico – Com o objetivo de viabilizar o aquecimento da economia campinense, o governador assinou decreto desapropriando terreno para a instalação do Porto Seco no município.

Ciência e Tecnologia – Nesta área, o Governo priorizou o investimento de R$ 14 milhões na construção de uma rede de fibra ótica com 974 quilômetros de extensão. Além disso, anunciou a liberação de mais de R$ 700 mil para a construção do Centro de Inovação Tecnológica Telmo de Araújo (Citta). Sediado no bairro de Bodocongó, o Citta é reconhecido como uma importante instituição de desenvolvimento científico e tecnológico.

Outras ações – Com o objetivo de beneficiar os artesãos da região polarizada pelo município de Campina Grande, o Governo do Estado promoveu a realização do Salão de Artesanato, evento que apresentou um saldo de aproximadamente R$ 500 mil em vendas diretas.

Por meio do programa Empreender/PB, também foram disponibilizadas linhas de crédito no valor total de R$ 38 mil para 19 artesãos que trabalham com roupas e acessórios de algodão colorido, artesanatos em madeira, em fios, em renda renascença e em couro.

Processos licitatórios – O novo pacote de investimentos anunciados na segunda-feira (26) pelo governador Ricardo Coutinho soma mais de R$ 40,2 milhões em obras na cidade de Campina Grande. O governador destacou que é um dos municípios que mais receberam obras e investimentos na atual gestão.

Dentre as obras cujas licitações foram autorizadas nesse pacote, estão R$ 30 milhões para a reforma e conservação de escolas e R$ 10,2 milhões para a pavimentação da Almeida Barreto, o esgotamento dos bairros do Cruzeiro e Jardim Tavares, a reforma do estádio Amigão e a recuperação do 3º Núcleo Regional de Saúde.

Ricardo Coutinho citou ainda projetos importantes a serem executados pelo Governo, como a revitalização do Cine São José e do Açude do Bodoncongó. “Algumas pessoas fizeram uma leitura precipitada do material que lançamos e esqueceram de observar que, no próprio pacote de obras, Campina foi beneficiada no item ‘outros investimentos’ com R$ 30 milhões na área de educação. É como se tudo que fizemos no ano passado fosse apagado por pessoas interessadas em desviar o foco do avanço administrativo que vive nosso Estado”, completou.