Fale Conosco

11 de setembro de 2009

Ingressos para o Sete em Ponto começam a ser vendidos na próxima segunda-feira (14)



Os ingressos para o show do cantor e compositor baiano Moraes Moreira, que marca a estreia do projeto Sete em Ponto, começam a ser vendidos na próxima segunda-feira (14), no Espaço Cultural José Lins do Rego.

O show acontece na quinta-feira (17), às 19h, no Teatro de Arena, e a abertura ficará a cargo do músico pernambucano, radicado na Paraíba, Adilson Medeiros.
O projeto Sete em Ponto, promovido pela Fundação Espaço Cultural da Paraíba (Funesc) irá acontecer duas vezes por mês, sempre com uma grande atração nacional e um talento local abrindo a noite.

O baiano Moraes Moreira, um dos grandes nomes da MPB, vai iniciar o projeto com um show voz e violão, cantando seus maiores sucessos, como "Pombo Correio", "Festa do Interior" e "Atravessei os Sete Mares", entre outros.
 
Moraes Moreira

O músico, que foi integrante do movimento “Novos Baianos”, começou a tocar sanfona de doze baixos em festas de São João e outros eventos de Ituaçu (BA), sua cidade natal.
Na adolescência, aprendeu a tocar violão enquanto fazia curso de ciências em Caculé, também na Bahia. Mas foi em Salvador, onde conheceu Tom Zé, que entrou em contato com o rock n' roll e formou o grupo Novos Baianos, com Baby Consuelo, Pepeu Gomes, Paulinho Boca de Cantor e Luiz Galvão. Ficou no grupo de 1969 até 1975.

Juntamente com Luiz Galvão, foi compositor de quase todas as canções do grupo. O álbum “Acabou Chorare” (1972) foi considerado pela revista Roling Stone Brasil um dos 100 melhores álbuns da história da música brasileira.

Moraes Moreira possui 40 discos gravados, entre Novos Baianos, Trio Elétrico Dodô e Osmar e ainda dois discos em parceria com o guitarrista Pepeu Gomes. É considerado um dos mais versáteis compositores do Brasil, misturando ritmos como frevo, baião, rock, samba, choro e até música erudita.
 
Adilson Medeiros

Morando desde 1996 em João Pessoa, Adilson Medeiros nasceu em Sertânia, Pernambuco, onde aprendeu os primeiros acordes e experimentou os primeiros versos. Mas foi em Juazeiro, na Bahia, onde lecionava História, que fez o primeiro show no Teatro João Gilberto.

Morava em Petrolina (PE), quando abandonou as carreiras de advogado, jornalista e professor para dedicar-se exclusivamente à música. Intensificou seu trabalho de cantar e compor, tornando-se um dos maiores expoentes culturais do Vale do São Francisco, com shows inovadores, gravações e produções de discos, além de participações vencedoras em festivais importantes como o “Canta Nordeste” da Rede Globo, quando faturou o premio de “melhor letra” e figurou no disco da Som Livre com a música premiada ‘Fado Xotado’.
 
SERVIÇO:
Funesc Sete em Ponto
Com: Moraes Moreira
Abertura: Adilson Medeiros
Data: 17 de setembro de 2009, 19 horas.
Local: Teatro de Arena do Espaço Cultural José Lins do Rego.
Promoção: Funesc
Informações: (83) 3211-6224/3211-6225”)

Assessoria de Imprensa da Funesc