João Pessoa
Feed de Notícias

Hotéis têm 90% de ocupação; Coqueirinho é a praia mais procurada

sábado, 29 de dezembro de 2012 - 11:13 - Fotos:  Kleide Teixeira/ Secom-PB

Os festejos de fim de ano estão movimentando o setor de hotelaria paraibano. Os hotéis instalados em João Pessoa e na Costa do Conde devem atingir uma ocupação próxima dos 90%. As duas cidades possuem mais de 12 mil leitos. A previsão é da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis, secção Paraíba (ABIH-PB). A praia mais visitada pelos turistas é a de Coqueirinho, segundo as empresas de receptivos instaladas na capital paraibana.

De acordo com o presidente ABIH-PB, Inácio Júnior, a movimentação na rede hoteleira vai ser intensa até a próxima quarta-feira (2). “Os turistas adquiriram pacotes e os leitos disponíveis são escassos. Sempre há desistências, mas nesta época do ano é difícil.  Essa ocupação é resultado de um trabalho de divulgação que realizamos juntamente com a PBTur e os hoteleiros”, avaliou.

 Litoral Sul – Se os hotéis estão lotados, a movimentação de turistas nas principais praias do litoral paraibano também é intensa. Em Coqueirinho, eleita por revistas especializadas em turimo como uma das mais belas do Brasil, o casal paranaense Paulo Sérgio e  Patrícia ficou admirados com a beleza intacta do local. Visitando a Paraíba pela primeira vez, o funcionário público federal e advogada afirmaram: “Isto aqui é muito lindo, a natureza  aqui, Deus caprichou, vou voltar”.  Os paranaenses ficam no litoral paraibano até o dia 13 de janeiro.

Quem também ficou encantado com a tranquilidade, o mar calmo e as águas mornas de Coqueirinho foi o paraibano Steimntz Machado Figueiredo. Nascido em Campina Grande, o desenvolvedor de sistemas de web, mudou-se ainda pequeno com a família para o estado de Rodônia.  A irmã de Steimntz, a estudante Saskya Figueiredo, declarou-se apaixonada pelo litoral paraibano e já pensa na volta. “A gente nunca imagina que existe um lugar tão bonito assim e quando se vê pela primeira vez é de ficar emocionada”, declarou.