João Pessoa
Feed de Notícias

Hospital Napoleão Laureano faz 50 anos e recebe acelerador linear do Estado

quarta-feira, 28 de março de 2012 - 18:03 - Fotos:  José Lins/Secom-PB

O Governo do Estado entregou, no final da manhã desta quarta-feira (28), um acelerador linear ao Hospital Napoleão Laureano. A solenidade, que contou com a participação de várias autoridades, entre elas o arcebispo da Paraíba, Dom Aldo Pagotto, e a secretária de Finanças do Estado, Aracilba Rocha, fez parte da programação alusiva aos 50 anos da unidade de saúde. O equipamento, que custou R$ 2,1 milhões, foi adquirido com recursos próprios do Estado e vai beneficiar 100 pacientes por mês.

Foto: José Lins/Secom-PB

O secretário de Estado da Saúde, Waldson Souza, que representou o governador Ricardo Coutinho, destacou que essa é apenas uma das muitas inaugurações na área de saúde que o Governo pretende realizar. Segundo ele, a meta não é apenas construir unidades de saúde, mas organizar a rede e construir um cenário com serviços de qualidade e atendimento humanizado.

Waldson afirmou ainda que o Hospital Napoleão Laureano sempre poderá contar com o apoio do Estado, que está comprometido com a saúde da população paraibana. Como exemplo, ele citou a abertura do Centro de Oncologia em Patos, que vai beneficiar cerca de 900 mil pessoas, que não precisarão mais se deslocar para outros centros e terão um atendimento com qualidade e eficiência.

O diretor-presidente da Fundação Napoleão Laureano, Antônio Carneiro Arnaud, afirmou que o Governo sempre contribui para melhorar a qualidade do atendimento à população. Por sua vez, o diretor do Hospital, João Simões, elogiou a iniciativa do Governo do Estado e disse que esse é mais um passo que a unidade está dando para melhorar a qualidade dos serviços prestados à população. Segundo anunciou, o equipamento já começa a funcionar a partir desta quinta-feira (29).

Balanço – O Hospital Napoleão Laureano, que completou 50 anos em 17 de março, oferece tratamento para cerca de 3,3 mil pacientes por mês. São sete mil atendimentos mensais, entre consultas, exames e cirurgias. A unidade é referência para o tratamento de câncer na Paraíba, e os tipos mais comuns da doença atendidos no local são os de mama, em mulher, e de próstata, em homem.