Fale Conosco

29 de maio de 2015

Hospital Geral de Mamanguape realiza  campanha de combate ao tabagismo



O Hospital Geral de Mamanguape (HGM) promove campanha interna pelo Dia Mundial sem Cigarro. Entre os dias 29 e 31 de maio, das 9h às 11h, o funcionário da unidade de saúde pode trocar o cigarro por um kit de guloseimas no posto de campanha, montado na recepção da Emergência do hospital. A iniciativa tem como objetivo alertar sobre as doenças causadas pelo tabaco e estimular o funcionário a parar de fumar.

Coordenadora da campanha, a gerente administrativa Rafaella Alves explica as motivações que levaram a direção do HGM a realizar a ação. “Para o Ministério da Saúde, quem fuma é considerado uma pessoa doente e precisa de cuidados e atenção. A proibição do uso do cigarro no convívio social faz que com que os fumantes se sintam excluídos. Por meio de campanhas como esta, com incentivo positivo e sem cobrança, podemos conseguir que pessoas pelo menos adotem o hábito de fumar cada vez menos”, afirmou.

Dia Mundial sem Cigarro – Criado em 1987 pela OMS, o Dia Mundial Sem Cigarro foi instituído para alertar a população sobre as doenças e as mortes relacionadas ao tabagismo. De acordo com relatório da “Epidemia Global do Tabaco 2013”, cerca de 6 milhões de pessoas no mundo morrem todo ano devido ao uso de cigarro.

O cigarro pode causar até 50 doenças diferentes, afetando principalmente o pulmão, mas também afeta a boca, coração e outros órgãos, podendo causar câncer de faringe, estômago, pâncreas, fígado, rim, bexiga, colo de útero e leucemia.