Fale Conosco

30 de agosto de 2011

Hospital do Trauma lança campanha contra desperdício e incentiva coleta seletiva



O Hospital Estadual de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena iniciou, nesta terça-feira (30), a Campanha de Combate ao Desperdício e Incentivo à Coleta Seletiva, com a palestra “Consumo Consciente: Homem x Meio Ambiente”. A palestra foi ministrada pelo estagiário de meio ambiente Nayê Nobre de Medeiros, e tratou de temas como as conseqüências do consumo exagerado de produtos, o efeito estufa, a energia elétrica e o lixo.

Segundo Nayê, a aquisição de novos hábitos leva tempo. “Mas é extremamente importante que uma instituição do porte do Trauma tenha consciência de sua responsabilidade ambiental. Seria bom que outros hospitais e intuições de nosso Estado seguissem este exemplo”, disse. A palestra também incluiu o consumo consciente de energia elétrica e a correta relação entre o homem e o meio ambiente.

De acordo com o coordenador da gestão, Edmon Silva, a campanha será trabalhada primordialmente para reduzir o desperdício de água, energia elétrica e materiais poluentes. “Queremos sensibilizar e conscientizar as pessoas em relação ao uso adequado dos bens naturais, como os alimentos, água e a energia”, disse.

Como parte da programação da campanha contra o desperdício estão previstas mais três palestras: “Acondicionamento de resíduos da saúde”, “Lixo, responsabilidade de todos nós” e “Atidude sustentável”. Internamente, foram entregues material educativo em cada setor do hospital, apelando para a economia de energia, água e papel.

Edmon adiantou que a gestão está totalmente comprometida com as questões ambientais e na incorporação de estratégias sustentáveis. Uma prova disso foi ter recebido, nessa segunda-feira (29), o ‘Selo Verde’, uma comenda emitida pelo Instituto Mais e entregue pela Jonhson e Jonhson, pela adoção de tecnologia de esterilização ambientalmente correta.

“A ideia agora é suscitar nos nossos colaboradores, pacientes e acompanhantes a importância da destinação correta do lixo interno e a adoção de atitudes simples para a economia de água, entre outros, a fim de diminuir os impactos no meio ambiente. Afinal, devemos ter iniciativas que possam contribuir para a qualidade do planeta, como herança à futura geração”, destacou o coordenador da gestão do Hospital de Trauma.