Fale Conosco

1 de abril de 2015

Hospital de Trauma/JP realiza ação social no abrigo de idosos Amem



Histórias compartilhadas e momentos inesquecíveis foram vivenciados nessa quarta-feira (1º) durante uma ação social realizada pelo Hospital Estadual de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena e a gestão pactuada com a Cruz Vermelha no abrigo de idosos Amem, no município de Cabedelo. A ação faz parte do programa Saúde Sem Fronteiras, desenvolvido pela unidade hospitalar, que conta com a participação de voluntários e estudantes de universidades.

Um dos relatos emocionantes foi do pizzaiolo Augusto Fragoso, 72 anos, morador do abrigo há 12 anos, que optou por morar no local. “Eu me sinto muito acolhido nesse lugar, eu tinha opção de morar com meus parentes em São Paulo, mas preferi viver na minha solitude, já que me dediquei apenas a cuidar do trabalho e esqueci de constituir a minha própria família”, disse.

Durante o evento, foram oferecidos testes de glicemia e aferição de pressão. Alguns moradores do asilo apresentaram alterações na pressão arterial e no teste de glicemia. E os resultados repassados para a equipe de enfermagem da Amem para as providências necessárias. Além disso, todos puderam desfrutar de momentos de relaxamento e entretenimento orientados por fisioterapeutas.

“Os exercícios praticados auxiliam na locomoção, já que nos idosos a tendência é entravar os músculos. Outro benefício diz respeito à socialização, pois possibilita maior  interação entre eles. Sinto-me muito gratificada em ver os alunos fora do convívio acadêmico, tendo oportunidade de prestar serviços à sociedade”, salientou Laura Veloso, professora de Fisioterapia da FCM.

O Hospital de Emergência e Trauma realiza ações socais durante todo o ano, com ajuda de voluntários na região metropolitana de João Pessoa. Alguns já estão no grupo há quatro anos e meio, como é o caso da enfermeira, Mírian da Silva, que desde o primeiro período da faculdade participa do trabalho voluntário. “É um prazer fazer parte da equipe.  Cada ação é como se fosse a primeira. Arrancar um sorriso de uma pessoa já tão debilitada e poder oferecer o que temos de melhor, não tem preço”, ressaltou.

AMEM – A Associação Metropolitana de Erradicação da Mendicância abriga 40 idosos entre homens e mulheres. Está aberta a doações e o contato pode ser feito através do telefone número 3245-2761.