Fale Conosco

20 de agosto de 2012

Hospital de Trauma recepciona os aprovados no processo seletivo



O Hospital Estadual de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena recepcionou, na tarde desta segunda-feira (20), os 57 novos funcionários aprovados no último processo seletivo realizado pela Instituição. Os servidores participaram de dinâmicas de grupo e palestras sobre as normas e condutas de trabalho da unidade de saúde.

De acordo com a coordenadora de Recursos Humanos, Tânia Rocha, a seleção foi muito disputada e minuciosa, objetivando, assim, conseguir os melhores profissionais de cada área para somar a equipe do Trauma. “O processo seletivo foi um filtro, por meio das provas, entrevistas e currículos. Com isso, acredito que conseguimos montar uma equipe multiprofissional excelente”, afirmou.

A coordenadora geral do setor de enfermagem,  Maryjanne Calado, explicou a importância de uma equipe  coesa  para a qualificação no atendimento ao cidadão. “Todos estão de parabéns pelos currículos e  desenvoltura nas entrevistas. Acreditamos que estes profissionais nos ajudarão na busca pelo processo de acreditação, no qual o Hospital está trabalhando diuturnamente.”, ressalta.

A nova funcionária Jéssica Brito relatou que está muito orgulhosa e feliz pela oportunidade de fazer parte da equipe do Hospital de Trauma. “Essa será uma experiência única no meu currículo profissional. Agora faço parte de uma das equipes mais competentes da saúde do Estado. Pretendo aproveitar esta oportunidade desenvolvendo meu ofício com todo profissionalismo e amor”, comentou.

Já o diretor administrativo, Sidney Schmid, ressaltou a transparência do processo seletivo. “Foram aproximadamente 5 mil candidatos na disputa das 57 vagas oferecidas pela unidade de saúde. Em todo o processo, buscamos a transparência. Esperamos que os novos funcionários nos ajudem em nossa missão de salvar vidas”, observou.

Processo seletivo – Os candidatos concorreram as 57 vagas destinadas para os cargos de fisioterapeuta, enfermeiro, psicólogo, assistente social, nutricionista, farmacêutico, técnico em enfermagem e em radiologia. O cargo mais procurado foi o de técnico de enfermagem, com 1.733inscritos, seguido por enfermeiro 1.078, fisioterapeuta 401, técnico em radiologia 305, assistente social 236, psicólogo 220, nutricionista 199 e farmacêutico com 28 candidatos.

A contratação de pessoal pela Cruz Vermelha Brasileira (CVB-RS) é regido pela Consolidação das Leis do Trabalho – CLT, ou seja, os contratados não serão considerados funcionários públicos, não tendo estabilidade ou quaisquer benefícios regidos pela Lei nº 8212/90, mesmo que anteriormente tenham sido contratados pelo Poder Público para exercer atividade idêntica à qual irá prestar.