Fale Conosco

20 de março de 2013

Hospital de Trauma realiza treinamento para Voluntários da Capelania



A Capelania do Hospital Estadual de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena, em João Pessoa, está realizando nesta terça (19) e quarta-feira (20), das 14h às 18h, no auditório da Unidade hospitalar, o primeiro treinamento para as pessoas que desejam se tornar visitadores dos pacientes da Instituição. O objetivo é capacitar os capelães no entendimento dos procedimentos adotados pelo hospital, bem como na abordagem aos pacientes e acompanhantes.

O diretor administrativo do Trauma, Sidney Schimid, ressalta a importância do trabalho dos visitadores na humanização hospitalar, e explica que o treinamento é de extrema importância na manutenção da rotina da unidade de saúde. “A capacitação tem como finalidade passar aos visitadores informações da rotina hospitalar, como também orientá-los como agir de forma correta na abordagem de pacientes e acompanhantes fragilizados pela enfermidade. Temos consciência que uma palavra amiga pode levar fé e esperança aos internos do Trauma”, explica.

Segundo a voluntária da capelania e funcionária da Cruz Vermelha Brasileira, Amélia Hallier, o serviço do visitador  vai além da doutrinação religiosa, sendo que o principal propósito das visitas é levar ao paciente palavras de encorajamento e amor. “A missão da visita não é a doutrinação, mas atender a necessidade do paciente. Tem como principal propósito levar conforto e consolo para quem sofre, já que sabemos como é difícil e dolorido para os pacientes e acompanhantes este momento de internação,” disse.

O Hospital de Trauma conta com a ajuda de aproximadamente 20 visitadores. Todos trabalham de forma voluntaria, e estão inseridos nas atividades da Capelania do Trauma.

Capelania – A Capelania Hospitalar é um trabalho sem fins lucrativos de solidariedade humana com ênfase no apoio mútuo e no amparo espiritual aos familiares e pacientes e, quando necessário, aos profissionais de saúde.

Para esse trabalho, o Hospital de Trauma disponibilizou um espaço exclusivo para aconselhamento e orações, onde os voluntários podem se reunir e oferecer auxílio aos usuários da instituição.