Fale Conosco

24 de agosto de 2016

Hospital de Trauma realiza treinamento para qualificar a equipe multiprofissional



O Hospital Estadual de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena, em João Pessoa, realizou nessa quarta-feira (24), a primeira etapa de um treinamento para os multiprofissionais sobre transporte intra-hospitalar. O objetivo foi mostrar a importância de transportar com segurança os pacientes, principalmente de setores complexos como as Unidades de Terapia Intensiva (UTIs), para evitar alguma situação adversa que venha prejudicar o paciente.

Para o coordenador da UTI móvel, José Equileis França, a finalidade é promover um ambiente mais humanizado. “Queremos cada vez mais ter uma equipe multiprofissional treinada e capacitada em atender melhor o nosso paciente”, frisou.

O treinamento será realizado em duas etapas. Nessa quarta-feira foi trabalhada a parte teórica, em que foi abordada uma palestra de higienização das mãos com a equipe de Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH). O intuito da palestra foi prevenir qualquer entrada de infecção durante o transporte intra-hospitalar e consequentemente oferecer segurança ao paciente.

Já no dia 31 será a vez da parte prática. Segundo o enfermeiro Equileis, serão citados alguns casos em que podem ocorrer esse transporte. “Os profissionais terão a oportunidade de utilizar todos os equipamentos para o transporte seguro em ambientes fechados e abertos”, completou.

Um dos pontos altos da palestra foi à palestra motivacional em que se buscou motivar o funcionário para que ele agregasse valores a sua atividade profissional. Para Hérika Cristina, do setor do Apoio – responsável pela segurança do hospital, a palestra foi muito motivadora.

“Nós que trabalhamos dentro do hospital de urgência e emergência não sabemos o que pode nos acontecer, principalmente quando estamos na entrada da emergência. Por isso, é muito importante sabermos a maneira correta de tratar, fazer o transporte e manipular o paciente. Equileis caprichou na motivação junto aos profissionais”, comentou.

Segundo a gerente de enfermagem, Daína Jeronimo, é muito importante os funcionários se sentirem motivados. “Quando somos motivados tentamos realizar o nosso trabalho bem feito. Vamos fazer com amor e dedicação e isso reflete na melhoria do paciente e aumentamos nossa qualidade na assistência” esclareceu.