João Pessoa
Feed de Notícias

Hospital de Trauma ministra Palestra sobre os riscos das Queimaduras

segunda-feira, 6 de junho de 2016 - 11:25 - Fotos:  Secom-PB

Dando continuidade às atividades referentes à Campanha “Marcas que Ficam Para Sempre”, promovida pelo Hospital Estadual de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena, em João Pessoa, foi realizada nessa sexta-feira (3), na Escola Municipal Carlos Neves da Franca, localizada no bairro do José Américo, palestras, exibição de vídeos e distribuição de materiais educativos sobre a temática. O objetivo da atividade constitui na disseminação das informações sobre os riscos de queimaduras, bem como prevenir os possíveis acidentes.

A coordenadora de Enfermagem da Unidade de Queimados da instituição, Desirée Mazecco, lembrou que a falta de informação ainda é a maior causa desses acidentes. “Ao desenvolver atividades fora do hospital, principalmente nas escolas, estamos contribuindo para educar e propagar conhecimentos e, ao mesmo tempo, prevenindo acidentes envolvendo queimaduras. Nas palestras informamos medidas simples de prevenção e primeiros socorros”, explicou.

Djanilda Pereira, professora do 5° ano falou sobre a ação. “É de grande valia atividades como estas nas escolas. Temos a oportunidade de oferecer aos nossos alunos informações e orientações dos perigos da queimadura. Acredito que muitos aqui terão uma atitude diferente com os fogos de artifícios e fogueiras, vão pensar duas vezes em manusear estes produtos”, ressaltou.

O aluno Victor Eduardo da Silva, do 5° ano, disse que não brincará com fogos neste ano, pois agora sabe os riscos que corre com os utensílios. “Nossa! Não sabia que era tão perigoso usar as bombinhas. Elas podem mutilar e até deixar uma grave queimadura. A partir de agora não solto mais fogos e vou explicar aos meus amigos dos perigos deste tipo de ação”, enfatizou.

Dicas – Em caso de queimaduras graves, não é recomendado passar nenhum tipo de produto caseiro. A vítima deve colocar a parte atingida em água corrente, envolver com pano limpo e úmido e chamar por socorro médico. O Hospital de Trauma é o único capacitado a receber vítimas de queimaduras. Somente no ano passado, a UTQ atendeu mais de mil pessoas e a incidência maior dos acidentes é com crianças.