Fale Conosco

29 de maio de 2014

Hospital de Trauma implanta Programa Jovem Aprendiz nos setores administrativos



Promover a inclusão social por meio da qualificação profissional. Esse é objetivo do Programa Jovem Aprendiz do Ministério do Trabalho, baseada na Lei 10.097, implantado no Hospital Estadual de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena, em João Pessoa. A unidade de saúde inseriu no seu quadro de funcionários, 24 jovens entre 14 e 23 anos, muitos deles tendo a oportunidade de vivenciar a experiência do primeiro emprego.

De acordo com a gerente do núcleo de Recursos Humanos do Trauma, Tânia Rocha, os adolescentes passaram por processo de seleção e foram inseridos nos setores administrativos da unidade de saúde. “Vieram jovens de dois órgãos parceiros, do Centro Integrado Empresa Escola [CIEE] e do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial [Senai] que se submeteram à entrevista e análise de currículo escolar, desses 24 foram selecionados e atuam na parte administrativa”, explicou.

O estudante, Josean Farias, que trabalha no setor de Controladoria, se diz satisfeito e agradecido pela oportunidade e ressalta que a experiência enriquecerá seu currículo profissional. “Estou muito feliz, esse é o meu primeiro emprego, e acredito que o conhecimento adquirido valorizará meu histórico curricular”, comentou o estudante.

Todos os jovens que trabalham na instituição de saúde estão matriculados em escolas profissionalizantes e cumprem uma carga horária que varia de 4 a 6 horas/ dia, de segunda a sexta-feira, tendo direito a salário proporcional à carga horária, como base no salário mínimo, além do recebimento do vale-transporte.