Fale Conosco

2 de outubro de 2017

Hospital de Trauma de João Pessoa realiza capacitação com colaboradores do Centro de Imagens



 

Cada vez mais tecnologia e saúde têm se aliado para aperfeiçoar os tratamentos oferecidos. Sendo assim, tendo em vista o grande número de cirurgias realizadas e visando melhorias, o Hospital Estadual de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena está promovendo uma capacitação sobre o uso do arco cirúrgico durante esses procedimentos. O minicurso é direcionado para os técnicos e tecnólogos em radiologia da instituição.

A coordenadora do Centro de Imagens da unidade de saúde, Irinalda Dantas, destacou a importância de preparar os colaboradores para utilizar o aparelho. “Durante a cirurgia, os técnicos e tecnólogos em radiologia trabalham em conjunto com o resto da equipe, fornecendo imagens que auxiliam no procedimento. Contamos com quase 50 profissionais, mas nem todos estão capacitados para manusear o arco cirúrgico, então, conversando com o Nece (Núcleo de Estágio, Capacitação e Eventos) organizamos esse treinamento”, explicou.

O minicurso chamou atenção até daqueles profissionais que têm experiência no uso do equipamento, como é o caso do técnico em radiologia, Edilson Santos. “Eu já trabalho com o arco cirúrgico, mas essa é uma oportunidade para me capacitar e trocar conhecimentos com os meus colegas. Os pacientes também só têm a ganhar com isso, porque serão atendidos por uma equipe completa, preparada para lidar com qualquer situação”, comentou.

Ministrado pela tecnóloga em radiologia e colaboradora da instituição, Jandira Costa, o treinamento está sendo realizado por meio de aulas práticas no centro cirúrgico e com o uso direto do equipamento. Ela ressaltou que a qualificação é indispensável àqueles que trabalham com o arco cirúrgico, principalmente por envolver radiação. “O profissional precisa ter um conhecimento teórico, prático e científico, pois, ao trabalhar com radiação, é necessário saber manusear o equipamento, porque se está lidando com vidas”, enfatizou.

O treinamento – O minicurso teve início no dia 9 de setembro e é resultado de uma parceria com uma instituição de ensino superior e segue ocorrendo de segunda à sexta-feira, até o dia 6 de outubro, contando, diariamente, com uma carga horária de quatro horas aula. Os quinze profissionais participantes são divididos em grupos, sendo supervisionados e acompanhados pela professora.