Fale Conosco

25 de julho de 2012

Hospital de Trauma de João Pessoa comemora dia do motorista



Nesta quarta-feira (25), Dia  Nacional do Motorista e da Paz no Trânsito, o Hospital Estadual de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena chama  a atenção da população para os riscos de acidentes de trânsito. De janeiro a julho deste ano, a unidade de saúde atendeu 4.770 pessoas vítimas de acidentes envolvendo ônibus, motos, carros, bicicletas e caminhões.

De acordo com o diretor técnico do Hospital, Edvan Benevides, o aumento da frota de veículos automotores causa consequentemente o acréscimo no número de colisões e atropelamentos nas áreas urbanas da grande João Pessoa. “Os acidentes de trânsito são a principal porta de entrada de vítimas atendidas no Hospital de Trauma. O Brasil está, definitivamente, vivendo uma epidemia de acidentes de trânsito e o aumento dos atendimentos envolvendo motociclistas e ciclistas é a prova disso”, afirmou.

O diretor explicou ainda que as principais causas dos acidentes são a imprudência, desrespeito às leis do trânsito e ingestão de bebidas alcoólicas antes de dirigir.  “Muita gente chega para o atendimento ainda alcoolizado, sem condições de falar, muito menos de conduzir um veículo”.

Dentro das comemorações alusivas ao Dia do Motorista, os condutores que prestam serviço ao Hospital de Trauma foram homenageados pela direção com um café da manhã seguido de uma celebração ecumênica. “O Trauma e a Cruz Vermelha Brasileira parabenizam a todos que se dedicam diariamente para o crescimento do hospital. Todos eles, independente de cargos, contribuem de forma significativa para que a instituição seja o principal Hospital de referência do Estado da Paraíba, prestando um serviço de qualidade à população”, destacou o  diretor executivo da Cruz Vermelha, Constantino Pires.