João Pessoa
Feed de Notícias

Hospital de Trauma de Capital atende 219 pessoas só no primeiro dia do ano

segunda-feira, 4 de janeiro de 2010 - 09:49 - Fotos: 

Entre a véspera do Ano Novo e o dia primeiro foram realizados 381 atendimentos em diversas especialidades clínicas e ambulatoriais. Se comparado com o mesmo período do ano anterior, entre 31/12/2008 a 01/01/2009, o percentual é bem maior. Nas festividades de 2008 foram contabilizadas 313 entradas no HT de João Pessoa, ou seja, 68 a menos que em 2009. O número também é maior que o Natal deste ano, onde foram registrados 379 atendimentos entre os dias 24 e 25 de dezembro.

Os acidentes de moto e as quedas lideram a estatística de entrada na unidade, cada um com 53 vítimas. Também podemos destacar os atendimentos nos seguintes casos: acidente de automóvel (23), atropelamento (06), queimadura (10), afogamento (02), corpo estranho (20), pedrada (03), corte (23), arma de fogo (06), arma branca (08), agressão física (24), entre outras.

Neste balanço, o dia considerado de maior movimentação e também mais violento foi o primeiro de janeiro, com 219 atendimentos. Para se ter idéia, todas as arma de fogo registradas no período ocorreram neste dia, assim como sete vítimas de arma branca e 22 por agressão física. Em relação aos acidentes de moto e automóvel, foram 28 e 14 vítimas respectivamente.

Nos casos de armas brancas e de fogo, as vítimas de João Pessoa são dos bairros do Ernesto Geisel (01), Grotão (01), Alto do Mateus (01), Cristo (01), Mandacaru (03), Manaíra (01), São José (01) e Miramar (01). Dos municípios vinheram de Bayeux (02), Guarabira (01) e Santa Rita (01).

No sábado (02), o atendimento no HT de João Pessoa é considerado tranquilo. Até às 10 horas da manhã, foram registrados apenas nove entradas, dentre os principais casos estão: duas vítimas de acidente de automóvel, uma por queimadura e uma por trauma.

Para garantir a eficiência no atendimento e a assistência a todos, uma equipe multiprofissional esteve trabalhando em regime de plantão de 24 horas. Só em especialidades, a unidade possui atualmente 24 e uma equipe formada por 42 médicos a cada plantão de 12 horas.
 
Referência – O Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena é referência no estado no atendimento de urgência e emergência, assistindo a seus pacientes em diversas especialidades.

Por mês, são atendidas em média 6.000 pessoas, não só da região metropolitana de João Pessoa, como também de outros municípios paraibanos e até dos Estados vizinhos. Entre janeiro e dezembro de 2009 foram quase 60 mil pessoas que receberam assistência na unidade.

Assessoria de Imprensa do Hospital de Emergência e Trauma