Fale Conosco

18 de setembro de 2013

Hospital de Trauma da Capital reforma e amplia setor de endoscopia



Os usuários do Hospital Estadual de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena têm um novo espaço para endoscopia desde o inicio deste mês de setembro. O local, que está ligado ao Centro de Diagnóstico por Imagem (CDI), passou por obras para reforma, ampliação e adaptação.

Segundo a coordenadora do CDI, Ana Aragão, as obras foram realizadas para garantir mais agilidade aos profissionais, e consequentemente aos pacientes que necessitam do atendimento realizado na Unidade de Saúde. “Estamos trabalhando diuturnamente para garantir que nossos pacientes tenham o melhor diagnóstico e, para isso, investimos em conforto e praticidade”, disse.

De acordo com o coordenador médico do serviço de endoscopia, Carlos Feitosa, com o novo espaço as pessoas que necessitarem realizar exames para o diagnóstico de doenças gastrointestinais e remoção de corpo estranho terão uma infraestrutura moderna e qualificada. “A reforma e ampliação da sala de endoscopia atende a Legislação Sanitária vigente e está aprovada junto ao órgão fiscalizador”.

O hospital realiza uma média de 100 exames/mês. Para isso, dispõe de oito especialistas em endoscopia, em plantões de 12 horas, e ainda suporte para UTI móvel, em caso de remoção de pacientes. Além disso, são realizados exames de broncoscopia contando com um médico especialista em plantões de 12 horas.