Fale Conosco

2 de julho de 2012

Hospital Clementino Fraga realiza mais de 72 mil atendimentos em um ano



O Hospital de Doenças Infectocontagiosas Clementino Fraga, que integra a rede hospitalar do Governo Estado, prestou a atendimento a 72.759 pessoas no ano passado.  A unidade funciona em João Pessoa e é referência estadual no tratamento em tuberculose, hanseníase, DST/HIV/Aids, dengue e hepatites virais.

O ambulatório do hospital oferece atendimento em infectologia, pneumologia sanitária, dermatologia sanitária, pediatria, cardiologia, endocrinologia, psiquiatria, neurologia, neurocirurgia, cirurgia plástica, cirurgia torácica, cirurgião vascular, gastroenterologia, angiologia, hepatologia, odontologia, nefrologia, urologia, proctologia, otorrinolaringologia, clínica geral, ginecologia e homeopatia.

Para atender a demanda, o Clementino Fraga conta com uma estrutura física e com uma equipe de profissionais multidisciplinar formada por médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, psicólogos, assistentes sociais, fisioterapeutas, nutricionistas, fonoaudiólogos, entre outros profissionais que atuam para garantir que os usuários sejam bem atendidos.

“A missão da unidade de saúde é prestar um serviço especializado e humanizado a pessoas que são acometidas de doenças infecto-contagiosas”, destaca a diretora Clínica do Hospital, Ana Paiva.

A diretora geral, Adriana Melo Teixeira, fez um balanço das atividades e ressalta que o Hospital Clementino Fraga também é referência em outras patologias, como leptospirose e hepatites virais. “O usuário pode, inclusive, realizar testes em hepatite B aqui no hospital”, informa.

Outros serviços – O Clementino Fraga também dispõe de um centro de diagnóstico por imagem, disponibilizando serviços de tomografia, ultrassonografia, endoscopia e raios-x. O hospital tem um laboratório onde são realizados os exames como a testagem rápida de HIV e testagem de hepatite B.

Outro serviço é a Assistência Domiciliar Terapêutica (ADT), que consiste na assistência hospitalar a portadores de HIV/Aids dentro do princípio da “desospitalização”, em que uma equipe multidisciplinar acompanha o tratamento do paciente em sua residência.

Ações sociais – O Hospital Clementino Fraga, em parceria com algumas ONGs, entre elas o Grupo de Autoajuda em Hanseníase, promove encontros com os pacientes, familiares, profissionais de saúde e membros da sociedade em geral. O hospital disponibiliza uma brinquedoteca destinada a atividades lúdicas e de diversão para crianças. Para os médicos, o espaço auxilia no trabalho com crianças soropositivas porque facilita o tratamento daquelas com dificuldade de comportamento.