Fale Conosco

8 de outubro de 2012

Hospital Clementino Fraga prepara programação alusiva ao dia das crianças



O Complexo Hospitalar de Doenças Infectocontagiosas Clementino Fraga comemora na próxima terça-feira (16), às 14h, o Dia das Crianças. Para isso, a unidade de saúde, que é referência no tratamento de doenças infectocontagiosas, contará com uma programação especial que terá o universo infantil como principal foco.

As atividades incluem apresentações teatrais e brincadeiras diversificadas, além de palhaços e guloseimas. A festa será oferecida especialmente para crianças que fazem tratamento na unidade hospitalar e para os filhos dos usuários. Os “Doutores da Alegria” e muitas outras atrações levarão alegria ao hospital.

De acordo com a diretora do hospital, Adriana Teixeira, oferecer entretenimento aos usuários dos serviços da unidade faz parte de uma política de humanização aplicada por todos os profissionais que ali trabalham, oferecendo qualidade de vida aos usuários que fazem o tratamento no Complexo Hospitalar, promovendo assim a sua interação.

Levantamentos apresentados por Adriana Teixeira revelam que as doenças infectocontagiosas predominam em aproximadamente 15% das crianças em todo o Estado. Elas foram infectadas por meio da transmissão vertical (de mãe para filho), quando ainda estavam na barriga da mãe. “Boa parte desses casos teria sido evitada se algumas medidas preventivas durante o pré-natal tivessem sido adotadas. O tratamento anti-retroviral, à base do coquetel anti-aids, reduz a probabilidade de contaminação do feto a menos de 1%”, destacou a diretora.

O Complexo Hospitalar Clementino Fraga atende, diariamente, pacientes portadores de Aids, hanseníase, imunodeficiência primaria, dengue hemorrágica, H1N1, leptospirose, toxoplasmose, tuberculose e hepatites virais,  entre outras enfermidades. Apesar de ser referência no tratamento dessas doenças, o complexo também presta assistência em várias outras especialidades: ginecologia, infectologia, pneumologia, odontologia e fisioterapia, além de realizar uma série de exames. São registrados cerca de 500 atendimentos diários.