João Pessoa
Feed de Notícias

Hemocentro lança campanha para garantir o estoque de sangue no carnaval

terça-feira, 8 de fevereiro de 2011 - 10:58 - Fotos: 
O Hemocentro da Paraíba abrirá no dia 14 deste mês a campanha “Folia do Sangue”.  O lançamento oficial ocorrerá com uma panfletagem das 6h às 8h, no Busto de Tamandaré, na praia de Tambaú. Desta vez, a mobilização será descentralizada e ocorrerá em todo o Estado até o dia 18.

Ainda como parte da programação, haverá visitas a hospitais para conscientizar os familiares dos pacientes e sensibilizar os funcionários.

As pessoas que fazem atividades físicas pela orla da Capital receberão panfletos e folders sobre a importância da doação voluntária de sangue. “Queremos mostrar e sensibilizar a população sobre o ato de doar sangue. É uma ação de cidadania que tem como principal objetivo salvar vidas”, disse a diretora técnica do Hemocentro, Germana Arruda.

Ela afirmou que a campanha vai mostrar a necessidade de manter o estoque seguro para os festejos carnavalescos e incentivar a doação voluntária de sangue. “Por sermos o único órgão fornecedor deste precioso líquido, estamos cientes de que é nosso dever neste momento educar e conscientizar a sociedade a exercer este sublime ato de cidadania”, ressalta Germana Arruda.

Programação no interior

No dia 15, a campanha será lançada no Hemonúcleo de Cajazeiras, no dia 16 em Catolé do Rocha, no dia 17 em Patos e no dia 18, em Monteiro. A partir desses quatro Hemonúcleos a campanha pretende engajar toda a rede formada por onze hemonúcleos.  No dia 16, em João Pessoa, haverá uma coleta externa de sangue na Lagoa.

O Hemocentro projeta aumentar em cerca de 30% o volume de coletas e com isso garantir o estoque para o período de carnaval, quando a demanda de sangue aumenta devido ao grande número de acidentes automobilísticos e outras ocorrências.

Nos hospitais, a ação é direcionada para os funcionários que têm a missão de sensibilizar os parentes dos pacientes para importância de doar sangue. “Mesmo que o paciente não precise de sangue, os familiares são sensibilizados a fazer a doação para ajudar outras pessoas que estão precisando do sangue”, disse a assistente social.