Fale Conosco

3 de fevereiro de 2015

Hemocentro de CG divulga programação de coleta externa



Com o objetivo de aumentar o estoque de bolsas de sangue neste início de ano, quando costuma acontecer uma redução por causa das festividades e férias, o Hemocentro Regional de Campina Grande dará início, a partir desta quarta-feira (4), à coleta externa de sangue, que será feita na Praça da Bandeira, no centro da cidade. A unidade móvel estará no local das 8h às 16h , quando os profissionais realizarão também panfletagem com a população para orientar e informar sobre a importância da doação de sangue.

A coleta externa do mês de fevereiro prossegue na quinta-feira (5), também das 8h às 16h, na Facisa, no bairro do Itararé, quando será realizado o “Trote solidário”, em parceria com a direção da faculdade. O coordenador de eventos da Facisa, Eduardo Raposo, disse que aceitou o convite feito pela diretora do Hemocentro, Marisa Agra, para realizar a captação de doadores, principalmente entre os novos alunos da instituição de ensino e os futuros profissionais de saúde, que precisam estar conscientes do cuidado com o outro.

Na próxima semana, no dia 11, das 14h às17h, a unidade móvel do Hemocentro estará no Hospital de Trauma de Campina Grande, tendo como público-alvo os parentes e amigos que visitam os pacientes daquela unidade de saúde.

No dia seguinte, dia 12, a coleta será feita no município de Remígio e no dia 26, a unidade móvel voltará à Praça da Bandeira, no centro de Campina Grande, para realizar a campanha “Dia do Sangue Rubro-Negro”, quando, em comemoração aos cem anos do Campinense Clube e por iniciativa da Torcida Organizada Garra Rubro-Negra, os torcedores estarão sendo convocados a aderir à campanha.

A preocupação da direção do Hemocentro Regional de Campina é que, com a chegada do Carnaval, o estoque de bolsas de sangue fique ainda menor, tendo em vista que, com o maior consumo de bebidas alcoólicas, aumenta o risco de acidentes e a necessidade de sangue.

Além da coleta externa, a doação de sangue pode ser feita regularmente no próprio Hemocentro, que fica no bairro do Catolé, ao lado do Terminal Rodoviário, das 7h às 18h30, de segunda a sexta-feira, e nos sábados, das 7h ao meio-dia. Ao doar sangue, a pessoa estará ajudando pelo menos três outras pessoas que necessitam de transfusão.

QUEM PODE DOAR – Para doar sangue, basta ter entre 16 e 69 anos e, no caso de ser menor de idade, ter autorização dos pais; apresentar documento original com foto; pesar no mínimo 50 kg; estar em boas condições de saúde; não precisa estar em jejum; precisa estar descansado; caso vá doar após o almoço é necessário aguardar pelo menos duas horas.