João Pessoa
Feed de Notícias

Hemocentro coleta sangue no McDia Feliz para pacientes do Laureano

domingo, 1 de setembro de 2013 - 09:30 - Fotos:  Ricardo Puppe/Secom-PB

O Hemocentro de João Pessoa participou de mais uma versão da campanha McDia Feliz, nesse sábado (31), em João Pessoa. Na Lanchonete McDonald da Avenida Senador Rui Carneiro, foi realizada uma coleta externa de sangue destinada exclusivamente aos pacientes atendidos pelo Hospital Napoleão Laureano, uma das unidades de saúde de referência no tratamento do câncer no Estado.

A estudante de Medicina, Kamilla Apolinário, foi voluntária no evento e aproveitou para doar sangue pela primeira vez. “É um ato muito importante. Não dói, não toma tempo e pode significar muito para quem receber”, falou.

O funcionário público Eduardo Castro começou a ser doador por causa de um filho adolescente que tinha câncer e precisava de doação constantemente. “Antes eu doava a pedidos de amigos, de familiares. Mas quando aconteceu com o meu filho vi a necessidade e importância de um ato que salva vidas. Agora virei um doador, principalmente nesse caso que é exclusivamente para pacientes com câncer e eu vi o quanto meu filho sofreu”, disse.

A enfermeira Sandra de Carvalho Moura é doadora desde 2004, quando começou a fazer doação para um sobrinho. “Sempre que posso participo das campanhas porque doar sangue é um gesto aparentemente simples mas que tem consequências grandiosas”, destacou.

Para a diretora do Hemocentro de João Pessoa, Sandra Sobreira, essa coleta externa de sangue terá significado especial por ser dedicada a milhares de pessoas, principalmente crianças, que lutam contra o câncer na Paraíba. “Nós temos muitos parceiros que anualmente nos ajudam e nos apoiam em nossas campanhas e em outras ações e atividades de incentivo e sobre a importância do ato de doar sangue. Agora, mais do que nunca, não podíamos deixar de dar a nossa contribuição para essa causa tão nobre que é a luta contra uma doença que tem ceifado a vida de muitos”.

Segundo o gerente de restaurante do McDonald, Igor Oliveira, a expectativa é que a lanchonete da Avenida Ruy Carneiro siga a tradição dos outros anos de ser a loja que mais vende o big mac em todo país. No ano passado foram vendidos 9.500 sanduíches.

Todo o valor foi repassado para a Associação Donos do Amanhã, que dá suporte aos pacientes que vêm do interior se tratar no Hospital Laureano e não tem familiares na Capital. A presidente da Associação, Andréa Gadelha, disse que com o dinheiro arrecadado no ano passado na campanha (R$ 186 mil), foi comprada uma casa para a ONG situada em frente ao Hospital, em Jaguaribe. Com a renda deste ano, a casa será totalmente reformada. “Esta campanha está nos ajudando a construir um sonho, literalmente”, concluiu a médica.
Condições para ser doador de sangue

Ter idade entre 16 e 67 anos, 11meses e 29 dias (se for menor de 18 anos é necessário autorização do responsável legal).

- Pesar acima de 50 quilos.

- Ter dormido normalmente nas últimas 24 horas.

- Estar alimentado, dando intervalo de 2 horas após o almoço.

- Evitar alimentos gordurosos na véspera e no dia da doação.

- Não ter tido hepatite após os 11 anos de idade.

- Não estar gripado, resfriado, com febre ou diarreia.

- Não ter ingerido bebida alcoólica nas últimas 12 horas.

- Não ter comportamento de risco para doenças sexualmente transmissíveis.

- Não estar grávida ou em período de amamentação. A menstruação e o uso de pílulas anticoncepcionais não impedem a doação.

- Respeitar o intervalo entre as doações que deve ser de dois meses para os homens e de três meses para as mulheres.

As pessoas interessadas em doar sangue que precisarem tirar qualquer dúvida como também marcar uma coleta externa podem ligar para o telefone (083)3218-7698.