João Pessoa
Feed de Notícias

Hemocentro abre campanha de doação de sangue para o Carnaval

quarta-feira, 19 de fevereiro de 2014 - 19:09 - Fotos:  Walter Rafael / Secom - PB

Ao som de marchinhas e muito frevo, o Hemocentro de João Pessoa abriu, na manhã desta quarta-feira (19), a campanha de doação de sangue para o período carnavalesco. A abertura contou com a animação da orquestra “Balanço do Frevo” e foi acompanhada por alunos da escola da Escola Agostinho Fonseca, no bairro do Cristo, em João Pessoa, que é uma das parceiras do Hemocentro. As crianças se apresentaram para o público com coreografias típicas do Carnaval, ao mesmo tempo em que chamavam a atenção para a importância do ato de doar sangue.

A diretora geral do Hemocentro, Sandra Sobreira afirmou que esse campanha, que se estenderá até o dia 28 e tem como tema “Antes de Sair Para a Folia, Doe Sangue, Compartilhe Alegria”, é mais uma ação do Hemocentro que tem como objetivo aumentar o estoque de sangue e com isso garantir a demanda dos hospitais que, segundo ela, aumenta nesse período devido, principalmente aos acidentes de trânsito. “Sangue não se vende e não se compra, se doa” destacou a diretora.

O auxiliar de serviços gerais, Fábio da Silva Cordeiro, 24 anos, que mora no Valentina de Figueiredo, foi um dos que atendeu ao chamado do Hemocentro. “Eu sempre tive vontade de doar, mas tinha medo, mas agora, incentivado por outros amigos, que são doadores, decidi comparecer aqui no Hemocentro para contribuir com essa campanha que eu acho que deveria contar com ajuda de todos nós que um dia poderemos precisar de sangue”, destacou.

A secretária Aline Dias dos Santos, 28 anos, residente nos Bancários, também esteve no Hemocentro para fazer a sua doação. “Eu sei o quanto o sangue é importante para salvar a vida de uma pessoa, pois tive esse exemplo em casa quando minha mãe precisou dele para fazer uma cirurgia e graças a Deus procuramos o Hemocentro e conseguimos”, disse a secretária.

Programação – Além da apresentação da Orquestra de Frevo e dos alunos da escola Agostinho Fonseca, a programação contou ainda com palestras, apresentações de vídeos educativos sobre a importância do ato de doar sangue, ginástica laboral e distribuição de brindes (camisetas) para os cem primeiros doadores.

Coletas externas – A chefe do Núcleo de Ações Estratégicas do Hemocentro, Divani Cabral lembrou que durante esse mês acontecerão várias coletas externas de sangue em mais uma ação para manter o estoque de sangue e com isso atender a demanda. Nesta quinta-feira (20), a coleta externa acontece no Detran, em Mangabeira; e nos dias 22, 26 e 27, respectivamente, as coletas serão realizadas mais uma vez na Lagoa.

Divani Cabral faz um apelo para que as pessoas compareçam aos locais aonde acontecerão as coletas externas e façam a sua doação, pois o Hemocentro precisa manter o seu estoque de sangue regular para atender a demanda. “Em datas comemorativas do ano, sempre fazemos campanha para sensibilizar as pessoas sobre a importância do ato de doar sangue. É um gesto humano, solidário e que ajuda a salvar vidas”, destacou.

A Rede Hemocentro da Paraíba é responsável por atender 40 hospitais, cobrindo 100% dos leitos do Sistema Único de Saúde e mais os leitos de planos de saúde cadastrados. Para tanto é composta por uma rede de dez hemonúcleos distribuídos nos municípios de Guarabira, Picuí, Monteiro, Princesa Isabel, Patos, Piancó, Itaporanga, Cajazeiras, Sousa e Catolé do Rocha, além de um regional em Campina Grande.

Condições para ser doador de sangue

- Ter idade entre 16 e 69 anos (se for menor de 18 anos é necessário autorização do responsável legal);

- Pesar acima de 50 quilos;

- Ter dormido normalmente nas últimas 24 horas;

- Estar alimentado, dando intervalo de duas horas após o almoço;

- Evitar alimentos gordurosos na véspera e no dia da doação;

- Não ter tido hepatite após os 11 anos de idade;

- Não estar gripado, resfriado, com febre ou diarreia;

- Não ter ingerido bebida alcoólica nas últimas 12 horas;

- Não ter comportamento de risco para doenças sexualmente transmissíveis;

- Não estar grávida ou em período de amamentação. A menstruação e o uso de pílulas anticoncepcionais não impedem a doação;

- Respeitar o intervalo entre as doações que devem ser de dois meses para os homens e de três meses para as mulheres.

As pessoas interessadas em doar sangue e precisarem tirar qualquer dúvida, como também marcar uma coleta externa, podem ligar para o telefone (083) 3218-7698.