Fale Conosco

9 de novembro de 2011

Guarda Militar de Reserva inicia formação de companhia em Campina Grande



A Guarda Militar de Reserva (GMR) iniciou a composição de uma companhia em Campina Grande. Segundo o coordenador da Guarda, tenente-coronel Paulo Almeida da Silva Martins, a unidade de Campina será formada por aproximadamente 100 militares que estão na reserva remunerada. O objetivo é reincorporá-los para que assumam atividades internas na Polícia Militar, liberando homens da ativa para o policiamento.

A criação da unidade de Campina Grande da GMR está prevista na Lei Estadual 9.353 de 12 de abril de 2011, que criou o corpo voluntário de militares da reserva. Os oficiais da coordenação da Guarda chegaram nesta quarta-feira (9) a Campina Grande. O tenente-coronel informou que a GMR também terá companhias em Patos, Guarabira e Cajazeiras, podendo se expandir para outras cidades polo.

Em todo o Estado, se inscreveram mais de 500 militares da reserva. A idade limite para a GMR é de 60 anos. Eles passam por um treinamento de readaptação funcional com duração de 60 horas/aula, ministrado no Centro de Educação da Polícia Militar, em Mangabeira, na Capital. Entre as disciplinas estão defesa pessoal, relações públicas e humanas, tiro defensivo e direito aplicado.