João Pessoa
Feed de Notícias

Grupo de extensão da UFPB faz parceria com Empasa para capacitar comerciantes

quarta-feira, 11 de dezembro de 2013 - 14:53 - Fotos: 

Uma equipe composta por nove alunos e três professores do Grupo de Extensão do Departamento de Tecnologia de Alimentos da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) inicia, nesta quinta-feira (12), a capacitação em Boas Práticas de Manipulação de Alimentos. O treinamento é direcionado aos comerciantes e permissionários e acontece nas dependências da Empresa Paraibana de Abastecimento e Serviços Agrícolas (Empasa).

Nesta primeira etapa, a proposta é visitar os permissionários/comerciantes, repassando técnicas adequadas de manuseio pós-colheita, orientando sobre a separação correta do desperdício, e adequação às normas de comercialização.

De acordo com a professora Fernanda Vanessa, ao final da capacitação, o empreendimento participante receberá um selo de qualidade. “O principal objetivo é capacitar os permissionários da Empasa, em procedimentos de manuseio pós-colheita, higiene e manipulação, evitando o risco microbiano, garantindo assim, a segurança alimentar e nutricional”, conta a professora Fernanda.

A estudante Ana Renally está confiante de que, com essa ajuda, a postura dos comerciantes possa melhorar. “Ao final da capacitação, por meio de técnicas de manuseio pós-colheita adequado, a durabilidade dos alimentos vai aumentar, e todos irão ganhar”, adianta Ana.

O presidente da Associação dos Comerciantes e Permissionários da Empasa (Ascope), Renato Ponciano, avaliou o treinamento. “O repasse das informações vai melhorar as condições de acondicionamento dos alimentos em função do conhecimento das características das matérias-primas evitando o desperdício, e assim oferecer aos manipuladores de alimentos adequação de comercialização dos produtos”, diz o presidente da Ascope.

Para a diretoria da Empasa, a iniciativa vai melhorar os serviços disponibilizados na empresa. “A Empasa está de portas abertas para iniciativas dessa natureza. Os resultados serão bem aproveitados”, afirmou o presidente da Empasa, José Tavares Sobrinho.