João Pessoa
Feed de Notícias

Grande João Pessoa terá 100% de saneamento básico

quarta-feira, 3 de março de 2010 - 11:50 - Fotos: 

O Governo do Estado e a Caixa Econômica Federal firmaram parceria, na última semana, para, ainda em 2010, sanear em 100% as cidades de João Pessoa, Cabedelo, Bayeux e Conde. A meta, segundo o diretor de Expansão da Companhia de Água e Esgotos da Paraíba (Cagepa), Alberto Gomes Batista, é assegurar, através do Programa Minha Casa, Minha Vida, do governo federal, a elaboração e execução de projetos de esgotamento sanitário para a população dessas localidades para os próximos 30 anos.

“Se, através da obra da Translitorânea, estamos garantindo abastecimento de água para a Grande João Pessoa para um universo de 30 anos, por que não pensarmos e assegurarmos também uma grande obra de esgotamento sanitário”, afirmou o diretor presidente da Companhia, Alfredo Nogueira Filho. Para ele, investir em saneamento básico implica investir diretamente na qualidade de vida da população.

De acordo com o diretor de Expansão da empresa, Alberto Gomes, a consolidação da parceria para mais esse projeto de esgotamento sanitário em municípios da região metropolitana surgiu após visita da superintendente nacional da Caixa, Márcia Kumer, que, na última semana, esteve em João Pessoa e mostrou-se satisfeita com o andamento das obras do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento) na Paraíba.

“Segundo Kumer, das 120 obras de grande porte em todo Brasil, a obra da adutora Translitorânea ocupa hoje o 4º lugar no ranking de execução das obras. Estamos com uma diferença de apenas 3% para o primeiro lugar”, destacou o diretor, lembrando que, quando o governador José Maranhão assumiu o governo, em fevereiro do ano passado, o estado ocupava um dos últimos lugares em termos de serviços e execução de obra. “Este avanço nos credenciou para mais esta parceria de sucesso”, acredita.

O diretor explicou também que, agora, após as duas primeiras reuniões de trabalho já realizadas, compete a Cagepa apresentar à Caixa carta consulta e projetos que serão encaminhados ao Ministério das Cidades para apreciação e posterior viabilização de recursos para o atendimento da demanda apresentada. Segundo ele, a previsão para apresentação da primeira etapa do projeto básico é de 40 dias, no entanto, nesta quinta-feira (4), a Companhia já estará apresentando à Caixa Econômica a carta consulta.

Ainda de acordo com Gomes, a estimativa do valor total do investimento corresponde a R$ 520 milhões, oriundos do PAC. “Esse valor consiste na elaboração da carta, do projeto e na execução das obras”, esclareceu. A previsão para o início das obras, segundo ele, é ainda para o primeiro semestre de 2010. “Iniciaremos com as obras de esgotamento sanitário para as unidades habitacionais do Programa Minha Casa, Minha Vida e, em seguida, ampliaremos para demais unidades das cidades de João Pessoa, Cabedelo, Bayeux e Conde. Nosso propósito é continuar seguindo a orientação do governador José Maranhão de deixar a Paraíba totalmente saneada”, concluiu o diretor.

Jô Carvalho, da Assessoria de Comunicação da Cagepa