João Pessoa
Feed de Notícias

Governo vai criar Plano de Reestruturação da Rede Hospitalar com investimentos mensais de R$ 5 milhões

quarta-feira, 4 de maio de 2011 - 11:39 - Fotos: 

O Governo do Estado vai criar um Plano Estadual de Reestruturação da Rede Hospitalar, com o objetivo de diminuir a superlotação nos hospitais regionais, além do Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena e do Arlinda Marques, em João Pessoa. Serão investidos R$ 5 milhões por mês no projeto, com a criação de uma rede formada com os hospitais municipais e filantrópicos.

O secretário de Estado da Saúde, Waldson Souza, disse que o objetivo é desafogar os grandes hospitais do Estado, que hoje atendem a uma demanda maior que às suas capacidades, gerando superlotação e dificuldades no atendimento médico. “Os hospitais municipais e filantrópicos irão atuar como unidades de retaguarda para os grandes hospitais, prestando assistência nas especialidades de clínica médica, pediatria, obstetrícia, cirurgia geral e urgência e emergência. As grandes unidades ficariam restritas aos atendimentos de maior complexidade”, afirmou.

Além disso, o secretário ressaltou que a administração estadual já iniciou o processo de intervenções estruturais nos hospitais de Trauma de João Pessoa, nos regionais de Patos, Guarabira, Sousa, Cajazeiras, Itabaiana e Solânea. “No mês passado, o governador assinou ordem de serviço para obras de ampliação e reforma do hospital infantil Arlinda Marques e também já inicio o processo de elaboração de projeto para a construção do Centro de Oncologia em Patos”, ressaltou.

Novo Trauma de CG – Outra medida que vem sendo adotada pela administração estadual é o processo de transição do Hospital Regional de Trauma de Campina Grande para as novas instalações. De acordo com o secretário, até o São João a nova unidade estará funcionando na sua totalidade. A transição inicia neste mês de maio, com a transferência dos pacientes da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e, até junho, o processo deverá ter sido concluído.

“Com a ativação do hospital, vamos conseguir atender mais pessoas, pois termos mais leitos e uma estrutura adequada para a prestação do serviço”, explicou o secretário, dizendo ainda que, além disso, os hospitais de Queimadas, Pocinhos e Esperanças serão pactuados com o Regional de Campina Grande para o atendimento de determinadas especialidades.

Novos valores para plantões médicos – Paralela a adoção de medidas de ordem estrutural, o Governo do Estado também está adotando medidas administrativas para melhorar a prestação de serviço nos hospitais. Entre elas, está a adoção de uma padronização e critérios para o pagamento dos plantões médicos de 12 horas.

“Vamos pagar os plantões médicos adotando a lógica da complexidade dos serviços. Desse modo, os profissionais que atuam nas unidades de alta complexidade terão remuneração maior, que os que atuam nas unidades de média complexidade. Entendemos que assim estamos agindo de forma justa com a categoria. Aproveitamos para pedir a colaboração e o bom senso dos profissionais, diante das dificuldades herdadas pela administração estadual e pela necessidade da sociedade”, afirmou.

PADRONIZAÇÃO E CRITÉRIOS PARA O PAGAMENTO DE VALORES DE PLANTÕES MÉDICOS DE 12 HORAS NO ESTADO DA PARAÍBA, SEGUNDO CRITÉRIO DE COMPLEXIDADE DE SERVIÇOS.

HOSPITAIS (Complexidade 1) VALOR (R$)
1.      Hospital de Emergência e Trauma Senador Humberto Lucena – JP 640,00 (durante a semana) e 740,00 (finais de semana e feriados)
2.      Hospital de Emergência e Trauma Dom Luis Gonzaga Fernandes – CG
3.      Hospital Regional Dep. Janduhy Carneiro – Patos
4.      Hospital Regional de Cajazeiras
5.      Hospital Regional de Sousa
 
HOSPITAIS (Complexidade 2) VALOR (R$)
1.      Hospital Regional de Guarabira 550,00 (durante a semana) e 640,00 (finais de semana e feriados).
2.      Hospital Regional de Picuí
3.      Hospital Regional de Itabaiana
4.      Hospital Regional de Queimadas
5.      Hospital Regional de Princesa Isabel
6.      Hospital Regional de Piancó
7.      Hospital Regional de Pombal
 
HOSPITAIS (Complexidade 3) VALOR (R$)
1.      Hospital e Maternidade Santa Filomena – Monteiro 500,00 (durante a semana e finais de semana)
2.      Hospital de Itapororoca
3.      Hospital de Belém
4.      Hospital Estevam Marinho – Coremas
5.      Hospital Dr. José Gomes da Silva – Itaporanga
6.      Hospital Dr. Ovídio Duarte – Serraria
7.      Hospital Francisco Bento Cabral – Aguiar
8.      Hospital Dr. Francisco de A. Freitas – Solânea
9.      Hospital Infantil Noaldo Leite – Patos
10.  Hospital Sinhá Carneiro – Santa Luzia
11.  Hospital Distrital de Taperoá
12.  Unidade Mista de Lagoa de Dentro
HOSPITAIS DE ESPECIALIDADES VALOR (R$)
1.      Maternidade Peregrino Filho – Patos 640,00
2.      Hospital Clementino Fraga – JP
3.      Hospital Psiquiátrico Juliano Moreira – JP
UNIDADES DE PRONTO ATENDIMENTO VALOR (R$)
1.      Unidade de Pronto Atendimento de Santa Rita 640,00