João Pessoa
Feed de Notícias

Governo retoma Bolsa Atleta e autoriza ginásio para Funad

terça-feira, 18 de setembro de 2012 - 07:29 - Fotos: 

O governador Ricardo Coutinho assinou termo, nesta segunda-feira (17), retomando oficialmente o programa Bolsa Atleta, em solenidade realizada no auditório da Fundação de Apoio à Pessoa com Deficiência (Funad). Na ocasião, ele autorizou a licitação para construção de um ginásio paralímpico na sede da Funad, no valor de R$ 1,3 milhão.

Atletas, paratletas, técnicos, professores e representantes de mais de 20 federações e associações ligadas ao esporte e ao paradesporto participaram do ato. Na oportunidade, os paratletas paraibanos que conquistaram medalhas nas Paralimpíadas de Londres foram homenageados, assim como os participantes das Olimpíadas Escolares Brasileiras, realizadas em Poços de Caldas, Minas Gerais.

Com o termo assinado pelo governador, o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Juventude, Esporte e Lazer (Sejel), procederá a todos os atos necessários para a implementação do programa para o ano de 2013.

Na ocasião, o governador Ricardo Coutinho afirmou que o Bolsa Atleta voltará a funcionar com um edital de transição que será utilizado enquanto a lei existente  será discutida e reelaborada. “O programa atualmente não inclui algumas situações como o técnico, não prevê o pagamento para técnicos de fora e não enquadra alguns atletas. Por isso, precisa de adaptações e critérios para ampliar o leque e possibilitar que os que estão de fora tenham acesso”, explicou.

Ricardo anunciou a realização de um Fórum com a participação das federações e dos atletas para discutir mudanças que visem promover uma maior democratização na concessão dos benefícios e melhorias no programa. Ele esclareceu que, em seguida, a lei será levada para apreciação pela Assembleia Legislativa.

Investimentos – O governador destacou os investimentos da ordem de R$ 50 milhões no setor de esporte, que serão aplicados na reforma dos estádios Almeidão, Amigão, Perpetão e Marizão, do antigo Dede e na reforma do ginásio e construção de piscinas olímpicas no Liceu Paraibano.

Ricardo Coutinho citou, ainda, os investimentos na construção de uma sede da Funad em Sousa, além da construção de duas piscinas e ainda a construção da sede da AACD em Campina Grande, além do ginásio paralímpico na Funad. “São conquistas importantes na área de assistência e reabilitação motora para a Paraíba. Esse é um ato de reconhecimento à superação humana de atletas paralímpicos e superação do Estado que está saindo de uma profunda crise nos últimos 1 ano e 8 meses de gestão”, destacou.

Para a presidente da Funad, Simone Jordão, foi uma notícia que agradou toda pessoa com deficiência que precisa praticar esporte. “O ginásio da Funad é uma reivindicação antiga e agora depois da assinatura da licitação pelo governador vai se tornando uma realidade. É o governo trabalhando de forma intercalada entre as secretarias”, afirmou.

O secretário da Juventude, Esporte e Lazer, José Marco, em seu pronunciamento, enfatizou o esforço do Governo do Estado em apoiar o esporte na Paraíba e parabenizou os paratletas medalhistas das Paralimpíadas de Londres. “Recentemente os paraibanos ganharam doze medalhas nas Olimpíadas Escolares Brasileiras e o Governo não mediu esforço e fez um grande investimento dando aos atletas e técnicos passagens de avião para que disputassem a competição em Minas Gerais. De parabéns todos os atletas e ainda os paratletas que integraram a delegação do Brasil nas Paralimpíadas de Londres”, disse José Marco.

Bolsas – De acordo com a Lei 8481/2008, existem quatro tipos de bolsas para beneficiar os atletas e paratletas: a bolsa de rendimento internacional, destinada aos que tenham integrado a delegação brasileira nos últimos jogos olímpicos e paralímpicos; bolsa de rendimento nacional, para quem conquistou na competição máxima da temporada nacional, no ano anterior ao pleito, o primeiro, segundo ou terceiro lugar ou esteja em primeira, segunda ou terceira colocação no ranking nacional de sua modalidade; e a bolsa institucional categoria talento esportivo, para os que tenham no máximo 23 anos no momento da assinatura do contrato e a bolsa estudantil  para os estudantes que tenham conquistado o primeiro, segundo ou terceiro lugar na primeira divisão das Olimpíadas Escolares Brasileiras no ano anterior ao pleito.

A solenidade contou ainda com as presenças do vice-governador Rômulo Gouveia; do secretário executivo das obras do PAC e superintendente da Suplan, Ricardo Barbosa; do presidente da Associação das Federações de Esporte Amador do Estado da Paraíba, Adjailson Fernandes, e do procurador geral de Justiça, Osvaldo Trigueiro do Vale.