Fale Conosco

5 de julho de 2013

Governo realiza reuniões técnicas com Ministério da Justiça para consolidação de projetos



O secretário executivo da Segurança e da Defesa Social da Paraíba, Jean Nunes, se reuniu na manhã desta sexta-feira (5) com representantes do Ministério da Justiça (MJ) e gestores dos órgãos operativos da secretaria. O objetivo foi alinhar ações dos projetos do Programa Brasil Mais Seguro, que prevê o investimento de R$ 128 milhões do Governo Federal para ações de prevenção e enfrentamento aos crimes contra a vida, fortalecimento da segurança pública, além do atendimento em saúde e assistência social para dependentes de crack no Estado ainda em 2013.

De acordo com Jean Nunes, a reunião fez parte das discussões técnicas para o envio dos projetos ao Sistema de Convênios (Siconv).  “Estamos dando continuidade às atividades iniciadas em novembro de 2012. As prioridades são o enfrentamento aos homicídios e qualquer outro crime doloso que resulte em morte, a estruturação de delegacias de Polícia Civil, ações de prevenção e polícia de proximidade, investimentos na Polícia Científica e na Inteligência Policial. Todas essas áreas receberão projetos específicos, que o mais breve possível serão colocados em prática”, revelou o secretário.

A representante da Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp), Cátia Emanuelli, afirmou que a redução de 8,21% de crimes contra a vida verificada na Paraíba no comparativo entre os anos de 2011 e 2012 foi decisiva para o investimento do Governo Federal na Segurança Pública do Estado. Segundo ela, a ideia é que se possa potencializar os resultados nos estados que têm redução dos índices, para que o resultado seja ainda melhor. “Umas das prioridades será o investimento em rádio e comunicação digital, que abrangerá as polícias Civil, Militar e Corpo de Bombeiros, Perícia. Também haverá a estruturação das agências de Inteligência, que serão descentralizadas para cidades que necessitam de presença prioritária. Outro foco é o fortalecimento das Delegacias da Mulher e da Delegacia contra Crimes Homofóbicos, da Polícia Comunitária e do Programa Educacional de Resistência às Drogas”, detalhou.

A Paraíba foi o segundo Estado a receber as ações do programa Brasil Mais Seguro, que foi implantado em 2012, em Alagoas, alcançando resultados positivos na redução dos homicídios. A representante do MJ ainda ressaltou que a Paraíba está em fase final de implementação dos projetos. O programa também está presente no Rio Grande do Norte, também em fase de projetos e nos dias 18 e 19 de julho, a ação chega ao estado de Sergipe.