Fale Conosco

30 de janeiro de 2014

Governo realiza seleção para residência médica no Hospital Arlinda Marques



O Governo da Paraíba lançou edital para processo seletivo que oferece cinco vagas para residência médica em pediatria no Complexo de Pediatria Arlinda Marques. O processo foi aprovado pela Comissão Nacional de Residência Médica (CNRM).

As inscrições podem ser feitas até a próxima sexta-feira (31) no Centro Formador de Recursos Humanos- (Cefor-RH) no horário das 9 às 12h e 14 às 17h. A prova acontecerá dia 08 de fevereiro no Centro de Ciências Médicas da UFPB e o início do Programa da Residência Médica será no próximo dia 6 de março. O edital está disponível no site: www.paraiba.pb.gov.br/saude.

A Pediatria tem sido uma das especialidades médicas menos procuradas nos últimos anos por novos médicos, isso reduziu a acessibilidade de crianças a esta especialidade importante e aumentado a média de idade destes profissionais que atuam atualmente”, disse o médico Fabiano Alexandria, diretor técnico do Arlinda Marques. Para ele esta é uma oportunidade de amenizar estas distorções e aprimorar a qualidade do atendimento no hospital.

Sobre a Residência Médica- Instituída pelo Decreto nº 80.281, de 5 de setembro de 1977, a residência médica é uma modalidade de ensino de pós-graduação destinada a médicos, sob a forma de curso de especialização. Funciona em instituições de saúde, sob a orientação de profissionais médicos de elevada qualificação ética e profissional, sendo considerada o “padrão ouro” da especialização médica. O mesmo decreto criou a Comissão Nacional de Residência Médica (CNRM).

Vale ressaltar que a Coreme-PB passa por um momento de reconhecimento nacional, tendo em vista que as Residências existentes receberam menção honrosa do MEC, além do excelente desempenho dos residentes concluintes nas provas de título das respectivas especialidades. Em resumo, conquistamos o respeito do MEC e das Sociedades Médicas”, disse Eugênia Fernandes, coordenadora do Programa de Residência Médica em Pediatria.

O Programa de Residência Médica, cumprido integralmente dentro de uma determinada especialidade, confere ao médico residente o título de especialista. A expressão “residência médica” só pode ser empregada para programas que sejam credenciados pela Comissão Nacional de Residência Médica.