João Pessoa
Feed de Notícias

Governo realiza atividades para lembrar Dia Nacional de Combate ao Fumo

quarta-feira, 26 de agosto de 2015 - 10:53 - Fotos:  Vanivaldo Ferreira/Secom-PB

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) preparou, em parceria com várias entidades, uma programação especial para lembrar o Dia Nacional de Combate ao Fumo. A data é comemorada em 29 de agosto, porém as atividades terão início nesta quarta-feira (26), com a realização de campanhas de prevenção ao tabagismo em shoppings e escolas da capital.

A programação prevê atividades, das 9h às 16h, no Shopping Tambiá. Já no sábado (29), as equipes realizam as atividades no Shopping Manaíra, das 10h às 16h. O objetivo é trabalhar a prevenção do tabagismo, principalmente com crianças e adolescentes.

Como parte das ações de prevenção, haverá o lançamento de uma plataforma de jogos educativos sobre tabagismo. “Além de orientar sobre a questão da vantagem de não fumar, de trabalhar com a prevenção, estaremos também aproveitando a oportunidade, junto com um dos parceiros, o BROZ Creative Studio, para lançar um jogo educativo sobre o tabagismo”, disse a chefe do Núcleo de Doenças e Agravos Não Transmissíveis Agudos, Gerlane Carvalho.

O jogo foi desenvolvido através de uma plataforma que pode ser acessada, gratuitamente, por celulares ou tablets com sistema operacional Android. “Com esse jogo, de uma maneira divertida e lúdica, as crianças e adolescentes são incentivadas a evitar todos os males causados pelo cigarro”, explicou Gerlane.

Ainda segundo Gerlane, em parceria com o Programa Saúde na Escola e Secretarias de Saúde do Estado e município, foram selecionadas sete escolas (três estaduais, duas municipais e duas privadas) para receber as ações de prevenção e a divulgação da plataforma de jogos educativos. Na quinta-feira (27), as ações serão realizadas nas escolas estaduais: Escola Argentina Pereira Gomes, às 8h; no Instituto de Educação da Paraíba (IEP), às 10h e na Escola Argentina Pereira Gomes, às 14h.

Já na sexta-feira (28), será a vez das escolas municipais e privadas: Escola Municipal Américo Falcão, às 8h; Escola Municipal Padre Pedro Serrão, às 10h; Colégio Motiva, às 13h30 e Geo Tambaú, às 16h. “Estamos realizando esse trabalho como forma de orientar essas crianças e adolescentes sobre todo o mal que o cigarro pode fazer para a saúde, orientando esse público, para que assim eles não sejam futuros fumantes”, disse Gerlane. A gestora de saúde disse também que o Programa Saúde na Família continuará o trabalho, levando as ações de prevenção para outras escolas da Paraíba.

Para a chefe do Núcleo de Doenças e Agravos Não Transmissíveis da SES, a intenção de promover ações como esta é sempre levar informação para a população. “Aproveitamos datas pontuais para oferecer nossos serviços de saúde em pontos estratégicos, como é o caso de shoppings. Lá estaremos levando informação para a população em geral. Trabalhamos acima de tudo com prevenção, mas também mostramos os locais de tratamento e onde buscar ajuda profissional”, disse ela.

As atividades em alusão ao Dia Nacional de Combate ao Fumo serão realizadas em parceria com a Agência Estadual de Vigilância Sanitária da Paraíba (Agevisa-PB), Programa Saúde na Escola, Secretaria de Estado da Educação, Secretaria Municipal de Saúde de João Pessoa, Associação Médica da Paraíba, Sociedade de Pneumologia da Paraíba, Sociedade Brasileira de Cardiologia – Região Paraíba, Liga Acadêmica de Pneumologia da Paraíba, Planos de Saúde, Funasa, Broz Creative Studio, Magazine Luíza e Shoppings Tambiá e Manaíra.

Cigarro - A nicotina, presente no cigarro, causa dependência e age na região do cérebro relacionada com o prazer. Além das alterações físicas, emocionais e comportamentais, cerca de 50 doenças graves estão relacionadas ao tabaco, entre elas: câncer de pulmão, boca, laringe, estômago; leucemia; infarto; bronquite; infecções respiratórias; trombose vascular. A fumaça do cigarro tem mais de 4600 substâncias, entre elas 40 são cancerígenas.

Tratamento – Na Paraíba, existem hoje 37 Centros de Referência para Tratamento dos Fumantes, onde se pode buscar apoio para se livrar do vício em nicotina. O serviço é oferecido em Unidades de Saúde da Família; em Centros de Atenção Psicossocial (Caps); Centros de Atenção Integral à Saúde (Cais); Núcleos de Apoio à Saúde da Família (Nasf) e Centros de Saúde. Em alguns casos, os pacientes abandonam o cigarro com menos de um mês de acompanhamento.

O tratamento nesses locais é mantido pelo Ministério da Saúde, que repassa medicamentos ao Estado. Este, por sua vez, é responsável pela qualificação das equipes, monitoramento do trabalho nos centros e pelo encaminhamento do material enviado pelo Ministério. Os municípios entram com a administração das unidades de saúde.

Referência – Os hospitais de referência no Estado no combate aos tipos de câncer relacionados ao uso do tabaco – pulmão, esôfago e laringe – são o Napoleão Laureano; Oncoclínica e Hospital Universitário Lauro Wanderley, em João Pessoa; e Hospital da Fundação Assistencial da Paraíba (Fap) e Hospital Universitário Alcides Carneiro (HUAC), em Campina Grande.

Dados - O tabagismo é considerado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) a principal causa de morte evitável em todo o mundo. A OMS estima que um terço da população mundial adulta – cerca de 1 bilhão e 200 milhões de pessoas – seja de fumantes.

De acordo com estimativas do Instituto Nacional do Câncer, a Paraíba possui hoje 453.546 fumantes e, destes, 89.784 estão em João Pessoa.